“Top Gun: Maverick” está nas pistas (ou nos ares), longa chegou nesta quinta-feira, 26 de maio, aos cinemas brasileiros, dirigido por Joseph Kosinski e estrelado por Tom Cruise, O que vemos na tela  foi um verdadeiro desafio para a equipe de filmagem e produção do filme de ação. 

Em entrevista exclusiva ao TechRadar para promover o filme, o diretor de “Top Gun: Maverick”, revelou como ele e sua equipe filmaram mais de 800 horas (813, para ser exato) para ter imagens de ação exclusivas. 

“Parte dessa [quantidade de filmagem] foi apenas o resultado de ter tantas câmeras funcionando”, disse o cineasta. “Tínhamos seis câmeras no cockpit. Tínhamos dois jatos funcionando simultaneamente. Então são 12 câmeras. Tínhamos quatro câmeras fazendo terra-ar, uma ou duas câmeras fazendo ar-ar e tínhamos câmeras montadas na parte externa dos aviões”, explica Kosinski. 

São 20 filmadoras diferentes, segundo a contagem do TechRadar. “Algumas dessas câmeras tiveram que ser ligadas quando os aviões decolaram e desligadas quando pousaram”, acrescentou Kosinski. “Então, apenas com a grande quantidade de câmeras em execução, você está gerando muita filmagem.” 

Mas, como o diretor revelou, um excesso de câmeras não é garantia de sucesso: “Quando se trata de fotografia aérea, você pode filmar um dia de 14 horas e obter de um a dois minutos de ótimas coisas.”

E para levar as melhores imagens para o público, Kosinski e sua equipe mantiveram um cronograma de produção rigoroso. “Nós fazíamos um briefing de duas horas pela manhã com todos os pilotos, os atores, Tom [Cruise], o editor e o diretor de fotografia.”

Só então, depois de toda essa preparação, as estrelas do filme realmente subiriam aos céus: “Então eles subiriam e voariam por uma hora”, disse Kosinski. “Eles voltavam, carregávamos as filmagens, assistíamos, damos notas e as enviávamos de volta. Então foi um processo altamente ensaiado.”

Todo esse empenho meticuloso em alcançar os resultados aéreos desejados certamente valeu a pena. O resultado são algumas cenas realistas em voos do filme, que atingiu 97% de aprovação no Rotten Tomatoes por parte da crítica, e 99% com os comentários do público. 

“Top Gun: Maverick” é a sequência de “Top Gun: Ases Indomáveis”, clássico de Tony Scott lançado em 1986. Confira a sinopse:

“Depois de mais de 30 anos servindo a marinha como um dos maiores pilotos de caça, Pete ‘Maverick’ Mitchell (Tom Cruise) continua na ativa, se recusando a subir de patente e deixar de fazer o que mais gosta, que é voar. Enquanto ele treina um grupo de pilotos em formação para uma missão especial que nenhum ‘Top Gun’ em vida jamais participou, ele encontra Bradley Bradshaw (Miles Teller), que tem o apelido de ‘Rooster’, o filho do falecido amigo de Maverick, o oficial Nick Bradshaw (Anthony Edwards), conhecido como ‘Goose’. Enfrentando um futuro incerto e lidando com fantasmas de seu passado, Maverick confronta seus medos mais profundos em uma missão que exige sacrifícios extremos daqueles que serão escolhidos para executá-la.”

A direção de “Top Gun: Maverick” é de Joseph Kosinski, e o elenco, além de Tom Cruise, conta com Jennifer Connelly, Miles Teller, Jon Hamm, Ed Harris e Val Kilmer. Assista ao trailer: