Nos últimos anos, se você quisesse uma câmera superportátil para ajudá-lo a capturar fotos e vídeos enquanto viajava, não poderia achar opção melhor do que o DJI Pocket. Era minúsculo, tinha um gimbal integrado e suporte para 4K. Agora, a DJI voltou para dar uma grande reformulação em sua pequena câmera com o DJI Pocket 2. O 4K deve ser melhor, e um novo design modular pode até corrigir algumas de nossas maiores reclamações com o original.

Embora possa não parecer que muita coisa mudou por fora, se você olhar para a parte inferior do DJI Pocket 2, verá uma placa que serve como base que pode ser removida para revelar uma porta de expansão para conectar vários acessórios. Há um acessório de micro-tripé para maior estabilidade, um módulo sem fio ou o Do-It-All Handle (uma parte extra que se encaixa na parte debaixo do Pocket 2) que adiciona um adaptador para tripé, suporte para wi-fi e Bluetooth, um alto-falante, um micro receptor sem fio e um conector de áudio de 3,5 mm. Esse tipo de capacidade de expansão ajuda a resolver as deficiências anteriores do Pocket original, como a captura de som medíocre, e praticamente transforma o DJI Pocket 2 no menor kit de vlogging do mundo.

E mesmo se você não optar por nenhum complemento, o novo sistema Matrix Audio da DJI Pocket 2 é composto por quatro microfones integrados que podem capturar som em 360 ​​graus e inclui ajuste de som automático que pode ser adaptado para áudio direcional, reduzir o ruído do vento, rastrear o som de um elemento específico e executar zoom-ins de áudio. Não temos certeza do quanto isso vai melhorar a qualidade do áudio, mas essas são muitas promessas que nos mantêm otimistas.

O DJI Pocket 2 com toda a sua gama de complementos e acessórios. Imagem: DJI

Quanto à qualidade de imagem, o DJI Pocket 2 possui um sensor maior de 1/1,7 polegadas (superior ao sensor de 1/2,3 polegadas do Pocket original) que suporta vídeo 4K/60fps e fotos em 16 MP ou 48 MP. Além disso, o AF 2.0 híbrido da DJI deve oferecer desempenho de autofoco mais rápido, com o Pocket 2 também suportando um zoom sem perdas de 4x que pode ser expandido para um zoom digital de 8x. E com um novo campo de visão de 93 graus, a lente de 20mm f/1.8 do Pocket 2 também é mais ampla e mais rápida do que antes. O Pocket 2 também tem suporte para captura de vídeo HDR, embora a DJI diga que esse recurso não estará disponível até algum tempo após o lançamento.

Finalmente, para ajudar os usuários a capturar imagens melhores, o DJI Pocket 2 vem com uma série de modos de fotografia novos e aprimorados, incluindo ActiveTrack 3.0, que permite selecionar um elemento para a câmera seguir automaticamente e manter no quadro, câmera lenta com velocidade de até 8x em 1080p, novos recursos de panorama, uma configuração de bloqueio de gimbal (um dos recursos mais solicitados para o Pocket anterior), transmissão ao vivo diretamente para o YouTube e Facebook, e muito mais.

E com um preço que começa em apenas US$ 350 (disponível a partir de 1º de novembro), você não terá que desembolsar mais pelo DJI Pocket 2 do que teve que pagar pelo Pocket original quando foi lançado em 2018. Isso é, a menos que você queira o Creator Combo completo, que inclui o Pocket 2 junto com um mini controle, adaptador para tripé, lente grande angular, microfone sem fio mais windscreen, micro tripé e o Do-It-All Handle por US$ 500.