Imagine uma caixinha mágica, como a Apple TV ou o Roku, que não só transmitisse filmes pela nuvem e seu conteúdo do computador, mas também passasse aquele futebol de domingão, vendido num pacote separado, com replays instantâneos e conteúdo interativo. Essa situação hipotética ainda está muito longe de acontecer, mas se nos EUA alguns esportes começam a surgir nas caixinhas, temos direito de sonhar e especular, não?

O mundo das caixinhas mágicas, como a Roku, a Apple TV ou a Boxee Box, ainda é algo distante do Brasil. O conteúdo ainda é mínimo, principalmente se comparado aos EUA. Mas mesmo com as assinaturas de TV a cabo em queda no país, muitos americanos ainda preferem a DirectTV e suas concorrentes. A razão é simples: a transmissão esportiva ainda é praticamente exclusividade dos canais pagos. Porém, a NBA e a NBL já estão presentes na Roku e na Apple TV, com preço mensal para assistir jogos gravados, lances e até partidas ao vivo.

Aqui no Brasil o mundo do futebol se resume ao conluio Globo, SporTV e PFC. Atualmente, a relação entre clubes, Clube dos 13 e TVs anda estremecido e não sabemos ainda quais canais transmitirão o esporte no próximo ano. Um dos pontos que mais incomoda a Globo na discussão são os direitos de internet. Para eles, há mais potencial para lucrar com o futebol na web. Na contramão do pensamento, o edital do Clube dos 13 referente ao triênio de 2012/2014 tem a seguinte restrição no formato online:

§ A transmissão dos jogos pela internet poderá ser realizada pelo sistema pay-per-view, de forma diferida e após 45 minutos do início dos jogos respectivos.

Ou seja, pela proposta do Clube dos 13, a transmissão ao vivo do futebol via internet seria proibida até 2014. Assistir a um jogo com 45 minutos de atraso não parece algo interessante. Porém, a rixa no Clube dos 13 não garante que todas as propostas do edital serão aceitas.

O PFC, atualmente a solução mais completa para quem gosta de futebol, tem preço variado entre as operadoras de TV a cabo, com valores entre R$60 a R$100, dependendo do pacote. Se uma reviravolta acontecer na forma de transmitir futebol por aqui e uma dessas caixinhas chegasse ao Brasil com um plano com custo próximo ao cobrado pela TV, prometendo transmissões online e ao vivo, você abriria mão da TV a cabo?