No século 21, você não precisa de um contato em uma gravadora ou de favores sexuais para ter acesso ao camarim de seu artista favorito. Tudo que você precisa saber é como editar uma página da Wikipedia.

David Spargo foi a um show do duo Peking Duk, em Melbourne, Austrália, nesta quarta-feira (2), quando ele tentou a sorte de ir ao camarim e conhecer a banda. Em vez de implorar aos seguranças para entrar, ele foi esperto: editou a página na Wikipedia da banda e colocou seu nome como um dos parentes de um dos membros da banda. Em seguida, ele mostrou aos seguranças e foi direto para o encontro de seus ídolos



“Essa foi, provavelmente, uma das ideias mais geniais que já vi”, disse Adam Hyde, do Peking Duk, ao The Guardian. “É doido. Ele fez a edição em seu telefone no local do show em questão de segundos, mostrou aos profissionais da segurança e entrou tranquilamente”.

“Ele disse ao segurança que era nosso meio-irmão ou algo assim, mostrou a página da Wikipedia em seu celular e sua identificação. No fim das contas, tomamos algumas cervejas. Esse cara é, definitivamente, uma lenda. Ele não era estranho ou coisa do tipo. Era um dos caras mais normais que já encontramos. E isso faz a situação ainda mais hilária”, afirmou Hyde.

Deu certo, mas as coisas poderiam ter tido um final diferente. Embora boa parte dos artigos da Wikipedia sejam sérios, qualquer um pode editar algum termo a qualquer hora e em qualquer lugar. Não precisamos ressaltar que as informações da Wikipedia devem ser vistas com desconfiança. As intenções do Spargo poderiam ter sido estranhas e vai saber o que poderia acontecer. Ainda bem que ele só queria estar no rolê com seus ídolos e tomar umas cervejas.

David Spargo ficou listado na página da Wikipedia do grupo por um tempo. Ao lado de seu nome, estava o termo “lenda”. Infelizmente, já foi apagado (você pode ver no histórico de edições do Peking Duk, na Wikipedia). De qualquer jeito, a sacada do cara foi ótima.

[Guardian via NME]