Esta mão robótica rudimentar, desenvolvida pelo Laboratório Ishikawa Oku no Japão, nunca perde em joquempô. Ela tem um histórico perfeito contra todos que o desafiam, mas só porque consegue ver e reagir mais rápido que um humano.

Usando uma câmera de alta velocidade, o robô reconhece a posição e forma da mão humana do concorrente, e joga a posição que for para ganhar.

Tudo isso acontece em um milésimo de segundo. Parece que o robô está jogando de forma justa, mas não: ele trapaceia na cara dura.

No entanto, isto é bom neste caso: o robô mostra como homem e máquina podem trabalhar bem de perto no futuro. Imagine que, em vez de ficar contra você, um robô desses pode ser seu parceiro. Segundo os pesquisadores, “esta tecnologia pode ser aplicada para responder a movimentos de seres humanos, e para trabalho cooperativo entre humanos e robôs sem delay”. [Ishikawa Oku Laboratory via Automaton]