É isso o que você consegue ao combinar robótica, mapeamento de projeção de gráficos 3D e ação de atores funcionando em perfeita sintonia. Este curta chamado The Box tem cinco minutos e não é nada menos do que revolucionário.

O nome é The Box, mas não há nenhuma caixa. Não, apenas ilusão de ótica. As caixas são feitas de luz e criadas com mapeamento de projeção que usa projetores e gráficos corrigidos em perspectiva para criar a ilusão de dimensões na vida real. Este é provavelmente o melhor exemplo que eu já vi deste truque em ação.



original (1)

O curta foi produzido pela empresa de engenharia e design Bot & Dolly, de San Francisco, nos Estados Unidos. Os produtores esperam “transformar radicalmente apresentações teatrais e definir novos gêneros de expressão”. Eles não estão para brincadeira. O filme, segundo seus criadores, é ao mesmo tempo “uma mensagem artística e uma demonstração técnica” e explora “a síntese do espaço real e digital através do mapeamento de projeção de superfícies em movimento.”

Ao todo, fora usados dois projetores de alta resolução, dois monitores, três robôs industriais e um ator. E foi tudo gravado com uma câmera (controlada por um dos robôs industriais). O mais impressionante é que a apresentação foi ao vivo. Confira o curta-metragem completo abaixo: [io9. Obrigado pela dica, Juan Lourenço!]