Eu digo "decodificação de pensamento" em vez de "leitura de mentes" porque os pesquisadores estão trabalhando em uma forma de decodificar e analisar atividade cerebral de forma a prever um pensamento, ou, mais precisamente, a imagem formada pelos pensamentos de alguém.

Até agora eles tiveram pequenas doses de sucesso usando pequenos vídeos do YouTube e leituras completas do cérebro para estudar atividade cerebral e tentar prever quais vídeos causariam que tipos de atividades.

Esta pesquisa é tão assustadora quanto sensacional, mas eu mal posso esperar até que os "mindcasts" sejam a nova moda.  [New Scientist]