O Daily Beast publicou uma reportagem hoje que tira a máscara do monstro que vem alimentando propaganda anti-Google aos jornalistas durante os últimos dias. Quem está por trás da máscara? Ninguém menos que o Facebook. A empresa contratou a grande empresa de relações públicas Burson-Marsteller para observar de perto a política de privacidade do Google. Que coisa feia, Facebook!

O problema específico é o Círculo Social do Google, sobre a qual falamos há tempos – você pode ver o seu clicando aqui. O Círculo Social reúne os perfis sociais dos seus contatos, mas você não vê apenas os perfis dos seus amigos – ele também lista os amigos dos seus amigos. (Você pode ver os amigos dos seus amigos clicando neste link.) O Google diz que essas informações não são públicas, mas a Burson-Marsteller diz que eles estão criando “dossiês profundamente pessoais de milhões de usuários”.

Isto é preocupante? Talvez! Mas não tão preocupante quanto os diversos problemas com privacidade que o Facebook tem há anos.

O motivo principal do Facebook, claro, é que eles não acham que o playground das redes sociais seja grande o bastante para o Facebook e o Google brincarem juntos. Segundo o Daily Beast:

Confrontado com provas, um porta-voz do Facebook confirmou ontem à noite que o Facebook contratou a Burson, citando dois motivos: primeiro, eles acreditam que o Google faz certas coisas nas redes sociais que levantam preocupações sobre privacidade; segundo, e talvez o mais importante, porque o Facebook está ressentido com as tentativas do Google de usar dados do Facebook em sua própria rede social.

E a cereja no topo? Um dos representantes da Burson-Marsteller (que só estavam fazendo o trabalho que lhes foi pedido, certo?) era ninguém menos que Jim Goldman, ex-repórter da CNBC (grande canal de notícias nos EUA) e conhecido por ser contraditório.

Toda a história é sórdida e triste, e deixa o Facebook com a imagem um pouco manchada. A ironia do caso é que o resultado não só vai piorar a reputação do Facebook, como vai chamar a atenção para mais problemas de privacidade do Facebook. Melhor ter ficado quieto… [The Daily Beast]