Talvez, você já tenha recebido alguma mensagem do seu banco promovendo a nova funcionalidade de pagamentos do WhatsApp. E existe um motivo para eles estarem tão interessados em crescer a popularidade do recurso — o Facebook está remunerando as instituições por cada transação realizada.

De acordo com o Mobile Time, o valor da remuneração varia de acordo com as bandeiras (Mastercard e Visa) e os bancos, sendo que tanto a instituição que recebe como a que envia dinheiro são premiadas — embora o emissor ganhe um pouco mais.

Apesar de não haver informações sobre esses valores específicos, o Mobile Time afirma que eles podem ser calculados em forma de porcentagem ou ter um valor fixo estabelecido. A remuneração também é inferior ao que os bancos recebem por compras com cartão de débito.

Assine a newsletter do Gizmodo

O serviço de pagamentos do WhatsApp começou a ser disponibilizado para alguns usuários na semana passada. A expectativa do Facebook é conseguir aprovação do Banco Central para oferecer compras e o uso de cartão de crédito por meio do aplicativo, o que renderia à empresa de Zuckerberg parte da taxa cobrada por redes como a Cielo, que é parceira da companhia.

[Mobile Time]