A coisa mais próxima de um touchscreen que a Apple já ofereceu em um notebook foi a Touch Bar. No entanto, se você tem um dinheiro sobrando na sua carteira, tipo US$ 1, você pode atualizar seu MacBook com uma função touchscreen usando este incrível hack.

A Alexa com um crânio animatrônico é o hack mais bizarro que você verá
Pendrive digno de filme de espião se autodestrói depois de injetar malware

Chamado de Project Sistine (como Anish Athalye e seus criadores o chamam), o hack não exige que você saiba eletrônica ou tenha conhecimento em solda. Você também não precisa desmontar nada no MacBook ou comprar itens em sites esquisitos. Tudo que você precisa é uma dobradiça de porta, um pouco de cola quente e um pequeno espelho curvado, que deve ser montado em um ângulo específico, permitindo que a câmera do MacBook consiga ver a tela que está abaixo dele

Detalhe da dobradiça de porta na parte superior do laptop. Foto por Anish Athalye

O último ingrediente deste upgrade barato é uma versão personalizada do app ShinyTouch, desenvolvido por Kevin Kwok. O aplicativo trabalha com o fato de que a maioria das telas de laptop e de computador se tornaram muitos reflexivas, quando vistas de um ângulo de lado extremo, permitindo que algoritmos determine quando o dedo está fazendo contato

Usando outro truque de processamento de imagem e de calibração, o software também consegue monitorar onde o dedo está tocando na tela e quando ele está se movendo. Estes movimentos podem então ser traduzidos em interações na tela, permitindo que você dê zoom em imagens ou navegue por fotos, toque em botões e até mesmo desenhe na tela.

Esse hack de US$1 vai funcionar tão bem quanto a tela sensível de um iPad? Obviamente que não. Não vai chegar nem perto. Mas o fato é que o Project Sistine, desenvolvido em cerca de 16 horas, funciona impressionante bem dadas as condições. E embora sua funcionalidade seja um pouco confusa, a tecnologia por trás do hack não está longe de se transformar em uma opção para atualização de telas. Com um pouco de refinamento, esses hacks podem se transformar em soluções bem interessantes

[Anish Athalye via Hackaday]

Imagens por Anish Athalye