Apesar dos ótimos resultados financeiros, que podem fazer a empresa passar a valer US$ 1 trilhão em breve, a Apple perdeu seu segundo lugar em vendas de celulares no segundo trimestre de 2018. A nova vice-líder em market share é a Huawei.

• A Huawei lançou um smartphone com 8 GB de RAM. Tá bom pra você?
• [Review] O Huawei P20 Pro tem a melhor câmera do mercado

Segundo informações da consultoria IDC, a companhia chinesa entregou 54,2 milhões de unidades, superando os 41,3 milhões da Apple. A líder ainda é a Samsung, com 73 milhões de aparelhos.

Em termos de divisão de mercado, a Samsung tem 20,9%; a Huawei, nova segunda colocada, fica com 15,8%; a Apple atende por 12,1% das vendas. Completam o top 5 outras duas companhias chinesas, a Xiaomi e a Oppo. Como nota a IDC, é a primeira vez desde o segundo trimestre de 2010 que a Apple não fica nas duas primeiras posições.

Parte considerável do bom desempenho da Huawei se deve ao mercado chinês. A empresa é líder de mercado no país, com 27% das vendas de celulares. Outro ponto de destaque é a marca Honor, da mesma empresa, responsável por dois terços dos quase 16 milhões de aparelhos a mais vendidos neste trimestre, segundo estimativa da consultoria Canalys.

Por outro lado, a Huawei não está presente no mercado norte-americano. Os EUA suspeitam de que a empresa seja usada pelo governo chinês para espionagem e pressionaram as operadoras de telefonia a cancelarem seus acordos com a empresa.

Aqui no Brasil, a Huawei deve voltar às lojas em uma parceria com a Positivo, com foco em aparelhos de topo de linha.

[The Guardian, The Verge, Quartz]