Ano que vem, a Intel vai lançar sua próxima geração de chipsets, com codinome Haswell. E segundo o Anandtech, seu chip gráfico terá o dobro de desempenho que o Ivy Bridge, do qual será sucessor.

No Intel Developer Forum nos EUA, a Intel revelou alguns detalhes sobre o Haswell. Ainda são poucos, mas dá para ter uma ideia da direção que eles estão seguindo.

E a direção é: mais potência consumindo menos energia. A Intel demonstrou o benchmark Unigine rodando em Ivy Bridge e Haswell, e o desempenho do chip gráfico dobrou entre uma geração e outra. O consumo de energia, no entanto, caiu pela metade.

A Intel ainda promete cortar o consumo de energia no estado ocioso em 20x, comparado ao Sandy Bridge (2ª geração). Ansioso? [AnandTech]