Um homem de Owensboro, Kentucky (EUA), precisou ir para o hospital depois de sofrer queimaduras de segundo grau no último fim de semana, quando uma bateria de cigarro eletrônico explodiu em seu bolso. E ele não foi o único a dar azar com coisas do tipo.

Uma câmera de segurança do posto de combustível em que o homem estava gravou o incidente, ocorrido na manhã do último sábado. A vítima estava indo pagar suas compras no caixa da loja de conveniência, quando uma chama, semelhante às de fogos de artifício, surge em sua calça e lança fagulhas. Ele correu para a calçada, lutou com as chamas nas roupas e foi ajudado por um atendente com um extintor.

Não é o primeiro relato de explosão de bateria de cigarro eletrônico. Há duas semanas, um homem no Texas também sofreu sérias queimaduras quando uma bateria extra de cigarro estourou no bolso de sua calça. Ele também estava em uma loja de conveniência quando a bateria explodiu e fundiu parte de sua calça jeans a sua perna. Mais um homem, no começo do mês, também no Texas, sofreu queimaduras de primeiro grau quando uma bateria do tipo explodiu em sua calça.

Veremos se baterias de cigarro eletrônico terão o mesmo destino dos hoverboards, que foram banidos do metrô, de aviões, de faculdades e de outros lugares que não estão acostumados com explosões repentinas. A causa de tais incidentes ainda não foi descoberta.

[CBS News e 14News]

Imagem via 14News YouTube