LG anuncia TVs mini-LED para 2021

Novas TVs deverão ter mais contraste, melhor brilho e qualidade de imagem do que TVs de LED tradicionais.

Divulgação/LG

A Rainha das TVs OLED finalmente está embarcando no mundo das mini-LED. Na última segunda-feira (28) a LG anunciou que irá apresentar sua primeira TV “QNED” na CES 2021.

Embora a LG as apresente como QNED, essas TVs premium terão a tecnologia mini-LED — que basicamente são pequenos LEDs que têm um quinto do tamanho dos LEDs convencionais. Isso significa que a luz de fundo é mais precisa, além de ter melhor contraste e brilho. De acordo com o The Verge, a LG está chamando essa versão dos mini-LED de QNED porque as TVs combinam tanto pontos de cor quânticos (daí o Q), têm a tecnologia proprietária de nanocélulas (o N), além dos LEDs (o ED). Só tome cuidado para não confundir com QLED e OLED.

A linha QNED da LG em 2021 incluirá dez modelos de TVs 4K e 8K, sendo que a maior terá incríveis 86 polegadas. Para aprofundar nos números: essas TVs terão 30 mil pequenos LEDS que conseguem uma proporção de contraste de 1.000.000:1 e 2,5 mil zonas de dimming. Assim como outras televisões premium, essas belezinhas ainda terão taxa de atualização de 120 Hz. Resumindo, as TVs de QNED deverão ter excelente contraste, qualidade de imagem HDR e melhor precisão de cor do que uma TV LED típica.

Se você quiser comparar, a TCL também usa mini-LEDs em suas TVs série 8, que têm 25 mil LEDs e mil zonas de dimming. Ela também tem a série 6, mais barata, que tem mil LEDs e 240 zonas de dimming.

Há rumores de que a Samsung também deverá lançar suas TVs de mini-LED ainda na primeira metade de 2021. A onda de telas desse tipo não está limitada apenas a TVs. A MSI lançou um laptop de mini-LED esse ano, enquanto a Apple deve adotar a tecnologia ainda em 2021 em ao menos seis gadgets.

Como é normal em anúncios relacionados à CES, ainda não sabemos quanto essas TVs QNED da LG custarão. Dito isso, elas definitivamente serão mais baratas que as TVs OLED da empresa. Ao menos, sabemos que poderemos espiar essas TVs a partir de 11 de janeiro a partir do estande virtual da LG na CES 2021. Só que isso não parecerá tão bom pelas nossas webcams ruins.

Sair da versão mobile