A LG acaba de anunciar que adquiriu o webOS, sistema operacional criado pela Palm e depois comprado pela HP. Mas em vez de usá-lo em smartphones ou tablets, ela planeja lançar TVs inteligentes que fazem uso do sistema.

Com o acordo, a LG assume o controle do código-fonte do webOS, junto à “documentação relacionada, engenheiros, e sites relacionados ao webOS”, além de uma série de patentes que a HP comprou da Palm. As empresas não revelam o valor da transação.

A notícia foi divulgada inicialmente pela CNET, porém foi brevemente retirada do ar. Segundo o AllThingsD, a LG só planejava revelar a compra mais tarde. O post da CNET já voltou ao ar.

A notícia dá peso a rumores que surgiram no final do ano passado, alegando que a LG estaria trabalhando em uma série de TVs rodando webOS. Claramente, a LG está de olho no software há algum tempo.

A LG não tem intenção de colocar o webOS em smartphones, no entanto: segundo fontes do CNET, a maior parte da equipe que trabalhava em produtos móveis já saiu da empresa – provavelmente para o Google. Além disso, o foco da empresa está no Android; eles até pararam de fazer aparelhos com Windows Phone.

Mesmo assim, é o fim de um período bastante triste na vida do webOS, que foi terrivelmente mal-gerido pela HP. Na verdade, fontes internas diziam no ano passado que o webOS estava condenado na HP desde o início, porque “não havia nem os líderes certos, nem os engenheiros certos para fazer o trabalho”. Esperamos que a LG dê um destino melhor para ele. [CNET e AllThingsD]