Desde 2012, o Procon-SP elabora uma lista com os sites de e-commerce que você deve evitar. Ela foi crescendo e agora conta com 518 empresas, que vendem produtos de tecnologia, itens por compra coletiva e outros. Repasse aos seus amigos!

Dealzmodo especial: as melhores ofertas da Black Friday 2016
Como não ser enganado na Black Friday 2016

Os sites da lista receberam muitas reclamações de clientes, foram notificados pelo Procon e não responderam à notificação. Assim, o órgão define que foi impossível “qualquer tentativa de intermediação entre as partes” e classifica o site como não-recomendado.

A lista completa do Procon-SP está disponível aqui. Ela foi atualizada recentemente por causa da Black Friday, porém inclui muitos sites que já saíram do ar.

Eis as lojas denunciadas pelo Procon-SP que ainda estão no ar:

atletika.com.br
bestinformatica.com.br
birobiro.com.br
buscavantagem.com.br
centernote.com.br
clubedeimportados.com.br
cosse.com.br
donadona.com.br
eleshop.com.br
game7.com.br
importeletro.com.br
kebarato.com.br
kmisetas.com.br
kopers.com.br
liquidamais.com.br
makroeletronicos.com
magazinebahia.com.br
megazinet.com.br
modice.com.br
morangao.com.br
perfumesoutlet.com.br
praticfacil.com.br
priv8brands.com
promocaocoletiva.com
shoppingviracopos.com.br
solidstore.com.br
souzaeletroshop.com.br
starimports.com.br
ticketsrj.com
vendaanabolizantes.com.br

Para se proteger nas compras online, recomendamos também que você visite o Reclame Aqui ou Reclamão.com para saber se a loja acumula queixas – especialmente as não-respondidas. E se o preço da loja foi muito menor do que se vê no mercado, é bom desconfiar.

[Procon-SP via Exame]

Foto por Penn State/Flickr