O Mac Pro passou muitos anos esquecido, mas voltou à vida com um design brilhante e maluco ao mesmo tempo. Agora ele tem 1/8 do volume de seu antecessor, e virou uma cápsula do tempo toda em preto.

A edição deste ano oferece mais poder de computação para os usuários avançados da Apple em 2013. Há processadores Intel Xeon E5 com 4 a 12 núcleos (até sete teraflops de potência) e até 12 GB de RAM DDR5, com um cache L3 de 30MB.

O desempenho gráfico é igualmente impressionante. São dois chips AMD FirePro que suportam saída de vídeo em 4K. E para conectividade, o Mac Pro 2013 contará com 4 portas USB 3.0, 6 portas Thunderbolt 2, além de HDMI, Ethernet e Wi-Fi 802.11ac.

O Mac Pro custará a partir de R$ 12.999, no modelo com processador Xeon quad-core de 3.7GHz, 12GB de RAM e duas AMD FirePro D300. (Nos EUA, o preço é de US$ 3.000.) Ele começará a ser vendido em dezembro.

Atualizado