Isso ficou meio estranho. Depois de chamarmos o radicalmente belo design de interface da Microsoft de “Metro” por uns dois anos, o Verge diz que a Microsoft abandonará o nome por motivos legais. Qual será, então, o novo nome?



De acordo com uma fonte “que deseja permanecer anônima,” a Microsoft está pedindo aos desenvolvedores para que parem de chamar as coisas Metro de Metro, porque “Metro” é o nome de uma empresa alemão que detém a marca. Metro? Metro! Precisamos de um novo termo para designar o DNA compartilhado entre Windows 8, Windows Phone, Xbox, Outlook e Office? “Trem,” talvez?

Ou, como parece muito provável, todos continuaremos falando Metro porque a Metro alemã não pode processar todo mundo de uma vez. [The Verge]

Atualização: Ao Giz US, um porta-voz da Microsoft enviou o seguinte comunicado:

“Temos usado o [nome] Metro como um codinome durante o ciclo de desenvolvimento do software ao longo de diversas linhas de produtos. Na medida em que o lançamento e a transição  de um diálogo com o mercado para um diálogo mais abrangente, com os consumidores, se aproximam, passaremos a usar nossos nomes comerciais.”

É, parece que já era. Nos comentários daqui, abaixo, o leitor _Schneider diz que trabalha no TI da Microsoft e que, internamente, a palavra “Metro” foi substituída por “Modern”. Não é o tipo de nomenclatura que deverá chegar ao usuário final, como não era Metro, mas para todas as situações onde “Metro” cabia, que se use “Modern” daqui em diante.