A Motorola é uma empresa que tem se arriscado em alguns projetos curiosos nos últimos tempos. Desde os agora descontinuados Moto Mods aos smartphones dobráveis da linha Razr. Agora, a companhia vai apostar em mais uma novidade: carregamento à distância através do ar. O projeto é feito em parceria com ex-engenheiros da CalTech, que agora estão na GuRu Wireless.

O conceito por trás do carregamento remoto sem fio é basicamente o mesmo presente nos roteadores Wi-fi, embora dentro de um escopo menor. Em vez de colocar fisicamente seu smartphone em cima de uma placa de carregamento, você pode caminhar até o alcance de uma base de conexão para que o dispositivo seja energizado, sem que haja contato físico entre o aparelho e a estação.

Para transmitir o sinal de carregamento sem fio, a tecnologia over-the-air da GuRu utiliza frequência de onda milimétrica — a mesma que permite redes 5G ultrarrápidas e de curto alcance. Como explica o ZDNet:

“Em vez de usar um enorme transmissor de potência, que emite ondas de energia em todas as direções, a solução da GuRu usa um pequeno transmissor composto de módulos interconectados que usam ondas milimétricas (mmWave), uma frequência de rádio normalmente definida na faixa de 30 GHz a 300 GHz que funciona dentro da linha de visão. O MmWave também é usado pelo padrão 5G atual para enviar dados em velocidade extremamente alta em distâncias relativamente curtas, em comparação com a tecnologia 5G Sub-6 GHz.

Como a GuRu está usando frequências de ondas milimétricas e algoritmos inteligentes, seus transmissores e receptores podem ser fabricados em tamanho reduzido. Dessa forma, os mini-transmissores podem direcionar e confinar melhor as ondas EM em comparação com as ondas nas bandas mais altas de micro-ondas mais altas, que por sua vez são usadas principalmente por redes Wi-Fi e sinais Bluetooth.”

Assine a newsletter do Gizmodo

De acordo com a GuRu, o gerador de sinal pode rastrear e transmitir simultaneamente para vários receptores em distâncias superiores a nove metros, independentemente da necessidade de potência do dispositivo. E, uma vez que é escalável, a tecnologia sem fio pode ser usada para ligar tudo — de fones de ouvido e smartwatches a notebooks e tablets, bem como carregar múltiplos aparelhos ao mesmo tempo.

Ainda não há previsão de quando a tecnologia da Motorola em parceria com a GuRu será disponibilizada ao público. No entanto, a fabricante dos smartphones Moto não é a única marca que está desenvolvendo carregamento over-the-air. Oppo e Xiaomi já apresentaram suas respectivas soluções nesse campo.