Ciência

Mounjaro: por que o remédio da moda tem esse nome?

Apesar de não estar disponível oficialmente no Brasil, o emagrecedor Mounjaro tem chamado atenção até pelo nome curioso. Veja a relação com o Kilimanjaro
Imagem: Pexels/Reprodução

O mercado está aquecido para o emagrecedor Mounjaro, que tem ganhado mais popularidade a cada dia. Apesar de não estar disponível oficialmente no país, o remédio está chamando atenção dos brasileiros, inclusive por seu nome curioso. Saiba mais abaixo.

whatsapp invite banner

Celular Xiaomi por menos de R$ 1 mil
Redmi 12 4G 256GB Versão Global
R$ 910

Qual a origem do nome do emagrecedor Mounjaro?

Embora a origem exata do nome “Mounjaro” não seja divulgada oficialmente, especula-se que “Mounjaro” é uma brincadeira com a palavra “Kilimanjaro”, a montanha mais alta da África. Seria uma junção de “mountain” (“montanha” em inglês) com “Kilimanjaro”.

Ficou assim: MOUNtain + KilimanJARO = MOUNJARO.

Segundo um artigo da universidade de Cornell, dos EUA, uma das cientistas reesposáveis pelo desenvolvimento medicamento se inspirou durante sua própria caminhada montanha acima.

Ela percebeu que os desafios enfrentados durante a escalada eram muito parecidos com os desafios que muitos enfrentam nas suas jornadas para perder peso.

[produto_amazon2]

O que é o Mounjaro e qual será o preço do no Brasil?

O remédio, que é fabricado pela farmacêutica Eli Lily, tem como princípio ativo a tirzepatida. Segundo a empresa, ele é o primeiro remédio a ter o receptor de dois hormônios: o GIP e o GLP-1.

Mounjaro e Ozempic imitam o hormônio GLP-1. Mas, de acordo com Eli Lilly, Mounjaro é o primeiro e único medicamento aprovado que ativa o polipeptídeo insulinotrópico dependente de glicose – também conhecido como polipeptídeo inibitório gástrico – e os receptores de GLP-1 no corpo.

  • O GIP atua levando a liberação de insulina, o que diminui apetite e glicose sanguínea;
  • E o GLP-1 com função de atrasar o esvaziamento gástrico, deixando a comida muito mais tempo no estômago, o que reduz o apetite consideravelmente.

Assim, isso faz, segundo a fabricante, que o medicamento seja mais eficiente tanto no controle da diabetes tipo 2, quanto na perda de peso.

Com o preços que variam de R$ 970,07 a R$ 3.836,61, o remédio é conhecido como “Ozempic dos ricos”. Os valores foram definidos pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED).

O remédio, entretanto, ainda não tem previsão de quando vai chegar em solo nacional. Neste post, o Giz Brasil explicou um pouco mais sobre a composição do preço e porque o medicamento é conhecido como “Ozempic dos ricos”

Além disso, é importante destacar que remédios como o Ozempic ou Mounjaro devem ser usados somente quando indicado pelo médico. Dessa forma, como qualquer outro medicamento, ele também pode provocar efeitos colaterais.

Assine a newsletter do Giz Brasil

O Giz Brasil pode ganhar comissão sobre as vendas. Os preços são obtidos automaticamente por meio de uma API e podem estar defasados em relação à Amazon.
Gabriel Andrade

Gabriel Andrade

Jornalista que cobre ciência, economia e tudo mais. Já passou por veículos como Poder360, Carta Capital e Yahoo.

fique por dentro
das novidades giz Inscreva-se agora para receber em primeira mão todas as notícias sobre tecnologia, ciência e cultura, reviews e comparativos exclusivos de produtos, além de descontos imperdíveis em ofertas exclusivas