Há muitos motivos para chamar a tecnologia Touché de sensacional. Ela reconhece seu toque em qualquer superfície, até mesmo na água ou entre suas mãos. Ao contrário de touchscreens, ela não fica limitada a toques do dedo. E ainda nem chegamos na melhor parte.

A tecnologia Touché foi criada pela Disney Research e… Peraí, Disney Research? Pois é, esta “rede informal de laboratórios de pesquisa” faz parte da Walt Disney Company e foi criada em 2008, voltada para tecnologia em entretenimento mas não limitada a esse campo.



Então, o Touché: esta tecnologia de toque não requer uma tela – funciona em maçanetas, mesas, até mesmo na água. Como o Touché não requer objetos metálicos, ele reconhece até mesmo o toque entre suas mãos: um sensor sem fios transmite os gestos para o computador via Bluetooth. E, ao contrário do toque capacitivo, o Touché não se limita aos dedos: no caso da maçaneta, o Touché sabe se você está tocando ou segurando-a com a mão inteira, por exemplo.

Mas como usar isso no dia a dia? Aí entra a parte mais impressionante do vídeo: as aplicações na vida real. O Touché permite controlar dispositivos sem tocá-los: basta fazer gestos no seu próprio corpo. No vídeo, você junta as mãos para tocar música, passa os dedos na outra mão para controlar o volume, e apenas encosta os dedos para trocar de música. Genial.

E a maçaneta? Ela pode ser configurada para reconhecer o toque e exibir mensagens na porta – como “não perturbe” ou “entre em silêncio”. E você pode configurar a mensagem através da maçaneta: dependendo de como você fecha a porta, ela exibe a mensagem “volto logo” ou “volto amanhã” – e tranca a porta sozinha.

ISSO É O FUTURO! Disney, eu faço que nem o Leo e uso chapéu do Mickey se você transformar isso em realidade, e logo. [Disney Research via The Verge]