O aplicativo de nutrição e exercícios MyFitnessPal da Under Armour sofreu um vazamento que expôs dados de 150 milhões de usuários.

O Baltimore Sun noticia que a informação exposta pela brecha inclui nome de usuário, endereços de email e senhas criptografadas. Não está claro se dados biométricos dos usuários também foram afetados.

• Uber pagou US$ 100 mil a hackers para esconder vazamento de 57 milhões de contas
• Vazamento pode ter exposto centenas de propriedades da Paramount Pictures, Nickelodeon e mais

O aplicativo MyFitnessPal alertou os usuários sobre a invasão nesta quinta-feira (29). De acordo com a Under Armour, a empresa ficou sabendo da brecha no aplicativo no dia 25 de março – a invasão aconteceu no final de fevereiro.

“Os dados afetados não incluem identificadores governamentais (como número
de Segurança Social e números de carteiras de habilitação de motoristas), que a companhia não coleta de seus usuários”, disse a Under Armour em um comunicado. “Dados de cartões de crédito também não foram afetados porque são coletados e processados separadamente”.

Assim como em qualquer vazamento de dados, os usuários do MyFitnessPal devem alterar suas senhas assim que possível.

[Baltimore Sun, Reuters]