É bastante compreensível se perder com as várias das mudanças no iOS, macOS e outros sistemas anunciadas pelos executivos da Apple durante a abertura da WWDC 2020 na última segunda-feira (22). Porém, mesmo depois de acompanhar a abertura da conferência, há mais recursos úteis para iPhones, Macs, Apple Watches e muito mais — e algumas mudanças importantes a Apple nem mencionou.

Os desenvolvedores já estão descobrindo pequenas mudanças nas versões beta dos sistemas liberadas na segunda-feira, e nós também demos uma olhada na documentação oficial da Apple para checar quais mudanças a empresa não destacou, mas farão uma diferença significativa na maneira como você usa seus dispositivos.

Boot Camp vai morrer no chip da Apple

Boot Camp no Mac

A Apple está criando uma família de processadores personalizados baseados em ARM para Macs, o que é uma grande mudança, e isso terá grandes consequências. Uma mudança que pode deixar muita gente insatisfeita é que o Boot Camp, o utilitário gratuito que permite dual boot do Windows e do macOS, vai desaparecer nos novos Macs equipados com o Apple Silicon.

Os Macs com processador Intel vão continuar com o Boot Camp mesmo no Big Sur, e os chips da Apple ainda permitem executar tecnologias de virtualização como o Parallels para usar o Windows e o macOS, mas o Parallels não é gratuito e é executado dentro do sistema operacional, enquanto o Boot Camp permitia inicialização dupla e até tripla em um Mac. Descanse em paz, Boot Camp.

HomePod vai oferecer suporte a outros serviços de streaming

Em um movimento que pode afastar acusações de reguladores de práticas anticompetição e tornar o HomePod mais atraente, a Apple vai abrir seu alto-falante inteligente para outros serviços de streaming de música, como o Spotify, com uma atualização que deve ser liberada até novembro.

O HomePod era basicamente limitado a assinantes do Apple Music, o que inibia um pouco sua utilidade. O Spotify e outros serviços precisarão optar por oferecer suporte ao HomePod, e não está claro se eles o farão, mas pelo menos a opção existe.

Escolher navegador padrão para iPhone e iPad

Até novembro, você finalmente será capaz de escolher o seu navegador e cliente de e-mail padrão, possibilitando escolher apps que não são da Apple, como o Safari e o Mail. Esse anúncio quase passou despercebido durante a WWDC já que apareceu apenas no slide que concluiu a apresentação do iPadOS 14.

Mais tarde, a Apple observou no preview do iOS 14 que o recurso também está chegando aos iPhones; portanto, quando você clica em um link para escrever um e-mail ou abre um link, entra no aplicativo de sua escolha.

Apple TV 4K vai transmitir vídeos do YouTube em 4K

Uma boa razão para comprar a Apple TV 4K é transmitir conteúdo 4K. O tvOS 14 terá suporte para vídeos em 4K do YouTube para a Apple TV. Não está claro se a mudança ocorreu do lado da Apple ou por parte do YouTube. De qualquer forma, agora você terá mais vídeos para transmitir com resolução 4K.

Back Tap para iOS é um recurso útil com um nome ótimo

Gosto tudo que envolve o Back Tap, um recurso do iOS 14 que age como um atalho para um conjunto personalizado de ações quando você toca na parte traseira do seu iPhone.

Você não tem muitas opções, apenas um toque duplo e um toque triplo, mas pode defini-las como atalhos para, por exemplo, abrir um app ou até mesmo como atalho para o app Atalhos. Segundo os desenvolvedores, o recurso ainda funciona mesmo que o telefone tenha uma capa.

FaceTime reconhece língua de sinais

Em uma grande mudança pela acessibilidade, o FaceTime agora reconhecerá quando uma pessoa em uma videochamada em grupo estiver fazendo língua de sinais americana (ASL, na sigla em inglês) e enfatizará a janela de quem estiver na chamada para prestar atenção.

Seria interessante se o FaceTime pudesse traduzir ASL para texto como parte deste recurso para torná-lo ainda mais acessível, mas este primeiro passo já é bem importante.

Force Touch não estará mais no Apple Watch

De acordo com a documentação da Apple, o watchOS 7 não oferecerá mais suporte ao Force Touch, um mecanismo da Apple usado para descartar notificações, desbloquear itens de menu em um aplicativo e outras tarefas.

Isso significa que o Watch Series 6, que deve ser lançado em setembro, abandonará o Force Touch, o que é meio estranho. É um recurso presente desde o primeiro modelo do smartwatch, e eu o uso para interagir com o dispositivo várias vezes ao dia. Estou curiosa para ver se um toque firme será simplesmente substituído por um toque longo.

Jogos do iPad terão suporte a mouse e teclados

Era só uma questão de tempo antes do suporte do iPad a trackpads e mouse fosse estendido a games, e isso está chegando no iPadOS 14. Você não estará mais limitado ao uso de controles na própria tela ou joysticks Bluetooth para jogos no iPad, tornando o tablet cada vez mais próximo de um Mac — pelo menos quando se trata de jogos.

Carregamento otimizado de AirPods

A Apple apresentou várias funcionalidades para os AirPods, incluindo áudio espacial para os AirPods Pro e troca inteligente de dispositivos para todos os modelos, mas não mencionou que, até novembro, começará a otimizar a bateria dos AirPods, como ocorre com o iPhone.

Os seus AirPods aprenderão sua rotina de carregamento e aguardarão para carregar até 80% para evitar que a bateria se desgate muito rápido.