Nós já dissemos que, pra competir com o iPad, os tablets precisam concorrer no preço. Dissemos isso no começo do ano, e dissemos isto quando o TouchPad chegou aos US$99. O tablet com Android mais bem-sucedido – o Asus Transformer – é mais barato que o iPad, inclusive. Aí a HTC resolve lançar um tablet com Honeycomb que custa US$700? Pelo menos o tablet parece ser muito bom.

O HTC Jetstream, que circulava em rumores pelo codinome de Puccini, tem tela de 10,1 polegadas com resolução WXGA (provavelmente 1280×720), processador Snapdragon dual-core de 1,5GHz, e absurdos 8 megapixels na câmera traseira, com flash LED duplo e que filma a 1080p, além de câmera frontal de 1,3MP.

O Jetstream tem 3G e Wi-Fi, e roda Android 3.1 com Sense UI – é a primeira vez que veremos a interface HTC no Honeycomb (aliás, este é o primeiro tablet da HTC com Honeycomb). Não é o Android puro, mas o Sense – pelo menos em celulares – é bem legal. O Jetstream reproduz vídeos em 1080p, além de ter suporte a Adobe Flash.

Só que ele é caro. Será que existe um grande público realmente interessado em pagar US$699 por ele? E tendo como condição comprar plano de dados da AT&T, e ficar na operadora por 24 meses? HTC, lance uma versão só com Wi-Fi bem mais barata, aí a gente conversa. [AT&T via This is my Next]