Testes com carros autônomos que transportam passageiros já estão começando a se espalhar pelas cidades, causando algumas dores de cabeça. Enquanto isso, uma universidade em Singapura iniciará um experimento com um ônibus sem motorista no primeiro trimestre de 2017.

• Como é fazer uma viagem em um dos carros autônomos do Uber
• Startup supera Uber e coloca primeiro táxi autônomo operando nas ruas de Singapura

O veículo autônomo se chama Arma e foi desenvolvido pela companhia francesa Navya. Ele é elétrico, consegue levar 15 passageiros e terá uma linha circular entre a Universidade Tecnológica de Nanyang e a sede da CleanTech, percorrendo cerca de 1,5 quilômetro. De acordo com a fabricante, as baterias aguentam pelo menos metade de um dia, dependendo das condições de trânsito e distância percorrida.

Assim como outros carros autônomos, o ônibus possui diversos sensores Lidar e câmeras que detectam obstáculos no caminho. Ele possui um localizador GPS que se comunica com uma base, onde monitores treinados poderão visualizar onde ele está.

Também no ano que vem, a Universidade Tecnológica de Nanyang pretende iniciar os testes de outros dois ônibus autônomos nas ruas do seu campus.

[Mashable]