A Opera disse que tem um app para iPhone pronto desde 2008, só esperando pelo processo de aprovação extremamente chato da Apple. Estranho é que eles só vão mostrar o app agora, no Mobile World Congress, onde também veremos o prometido Opera Mobile para Android.

Navegadores alternativos no iPhone não são exatamente alternativos, já que, historicamente, eles sempre usam a mesma versão do engine de renderização WebKit, assim como o Mobile Safari. Se a Opera lançar um navegador para o iPhone, isso seria bastante relevante: assumindo que esse navegador use a engine de renderização da Opera e as ferramentas de compressão em servidor que as outras plataformas têm, ele poderia legitimamente mudar a experiência de navegação no iPhone — como já faz no Android, Windows Mobile, Symbian e outros — pela primeira vez, bem, desde o lançamento do iPhone.

Duas coisas causam preocupação aqui: o material para a imprensa da Opera não menciona se é a superrápida engine Presto que será usada, mas isso não impressiona muito; e o novo app não estará disponível quando for demonstrado em Barcelona, na semana que vem. Mas honestamente, isso poderia ou ser uma data posterior para lançamento, ou só ansiedade para a Apple aprová-lo logo, então não adianta ficar esmiuçando essa parte. Hoje, finalmente, Opera e iPhone são um. Ninguém tire isso de mim. [Opera]