A Face Norte da montanha Eiger — charmosamente apelidada de Parede Assassina — é um dos locais de escalada mais icônicos do mundo. Ela foi escalada pela primeira vez em 1936, e desde então, já tirou a vida de dezenas de alpinistas: escalar a Eiger é uma das aventuras mais perigosas que um alpinista pode fazer. Este vídeo em 360˚ traz a pura e inebriante sensação que as pessoas devem sentir quando estão tentando subir a montanha.

Estes vídeos foram feitos pela companhia suíça Mammut, que possui um histórico com a montanha. Uma equipe de escaladores levou consigo câmeras de 360˚ montadas nas mochilas durante a subida de dois dias de escalada, e registrou os locais de nomes marcantes: Difficult Crack (Fenda Difícil), a Travessia Hinterstoisser e Bivaque da morte.

Os vídeos passam uma real perspectiva de uma escalada, os altos e baixos de se estar a salvo em um momento e muito perto da morte no outro. A sequência da Fenda Difícil mostra isso bem: olhe para cima, e lá está uma escalador a poucos metros do restante da equipe com câmeras, parecendo relaxado e tranquilo. Olhe para baixo, e veja um abismo gigantesco, com os equipamentos de segurança grudados na rocha e parecendo não servir para muita coisa.

Depois de assistir aos vídeos da Mammut, e de ter borrado as próprias calças, veja isso daqui: o escalador suíço Ueli Steck, fazendo a mesma rota — que requer dois dias para que escaladores rápidos e experientes a completem — em apenas duas horas. E sem cordas de proteção!