Primeiras impressões do OS X Mavericks: uma boa atualização com muito a ser feito

O Mavericks é o primeiro OS X lançado desde o Snow Leopard que não faz você parar constantemente, considerar que um novo recurso tornou sua vida mais complicada de uma maneira incompreensível, e então torcer para que seja um bug, porque não é possível que tenha sido proposital, o mundo é um lugar bom, e […]

O Mavericks é o primeiro OS X lançado desde o Snow Leopard que não faz você parar constantemente, considerar que um novo recurso tornou sua vida mais complicada de uma maneira incompreensível, e então torcer para que seja um bug, porque não é possível que tenha sido proposital, o mundo é um lugar bom, e engenheiros não deliberadamente criam coisas como o Launchpad para pessoas de bem. E isso não acontecer é um bom começo.

Como em qualquer versão beta, qualquer coisa dita sobre o OS X Mavericks pode mudar nos próximos meses. Então em vez de falar de bugs e soluços, vamos focar nos principais recursos incorporados pelo sistema operacional.

Diferentemente do iOS 7, não há grandes transformações no Mavericks. A iconografia não foi modificada. Os apps, em sua maior parte, parecem iguais. Mas algumas mudanças merecem destaque, e podem melhorar o uso do sistema. Eis o que notamos até agora:

 

Ainda tem alguns pequenos problemas, como dificuldade para chamar o dock para o segundo monitor, mas, por enquanto, acreditamos que será corrigido até a versão final. No geral, esta parece ser uma atualização bem agradável, mesmo que seja praticamente uma faxina do que foi feito nos últimos dois anos.

Sair da versão mobile