Esquemas para ganhar dinheiro fácil na internet existem aos montes – e geralmente são pura enganação. Será o caso do Bubblews, uma rede social que paga cada vez que um post seu for visualizado ou recebe um like?

O Bubblews esteve em fase beta há dois anos, mas agora está aberto a todos, após passar por um redesign. E para pagar dinheiro aos cerca de seus 300.000 usuários, ele tem muitas propagandas – a interface é quase um Google+ com anúncios.

Funciona assim: a cada like, visualização ou comentário que seu post receber, você ganha US$ 0,01. Quando você acumular US$ 50 (equivalente a 5.000 interações), pode sacar tudo via PayPal.

bubblews 3

Mas há alguns pré-requisitos. Cada post precisa ter um mínimo de 400 caracteres, e deve estar em inglês. O post será então analisado por algoritmos para exibir propagandas ao redor. Arvind Dixit, cocriador do Bubblews, diz à AFP que a rede social não vai analisar seus posts antigos.

Você só pode publicar até dez posts a cada 24 horas, uma medida para evitar spam. O site ainda proíbe copiar conteúdo de outros sites; enviar fotos obscenas ou pornográficas; e publicar imagens com direito autoral.

O Bubblews usa alguns símbolos diferentes, o que pode confundir iniciantes: para marcar outra pessoa, você usa o ampersand (&Fulano); para hashtags, você usa o sinal de mais (+GanhandoDinheiro). Cada post se chama “bubble” (bolha).

A rede social não diz quanto dinheiro já pagou aos usuários até hoje. Na verdade, a Wired lembra que o Bubblews teve problemas com isso em sua fase beta: likes e posts começaram a sumir, e como a equipe do site é pequena, teve que interromper os pagamentos para então resolver tudo. O redesign, esperamos, deve deixar esses problemas de lado.

bubblews 2

Mas ainda há outros: por exemplo, é possível abusar do sistema criando bots. Dixit diz ao Mashable que eles respondem por entre 2% a 5% dos usuários e são combatidos, mas é meio difícil de acreditar. Basta dar uma olhada nos posts recentes: ou a maioria dos usuários não sabe escrever em inglês, ou os bots dominaram o lugar.

Também não há apps para iOS ou Android, apenas um site móvel (felizmente adaptado para telas menores). E, claro, muito provavelmente seus amigos não usam o Bubblews, e o maior atrativo de uma rede social é ser usada por pessoas que você conheça.

Além disso, resta ver como essa rede social vai se sustentar. Basicamente, o Bubblews oferece aos usuários uma parte da receita em anúncios, mas será que eles conseguem cobrir os custos de operar um site? O Twitter, por exemplo, existe há anos e ainda dá prejuízo mesmo sem pagar os usuários.

bonzo me

Esta não é a única rede social que promete pagar dinheiro aos usuários. O Bonzo Me oferece alguns centavos para cada vídeo que você assiste no navegador ou app para iOS e Android. O site diz oferecer até 80% de sua receita em anúncios, e pagou cerca de US$ 30.000 aos seus poucos milhares de usuários desde julho.

Arvind Dixit, do Bubblews, diz à Associated Press que “ninguém deve vir ao nosso site na expectativa de largar o trabalho”. Mas se a rede social não combater spam, bots e conteúdo de má qualidade – algo que desafia inclusive o Facebook – nem dinheiro fácil vai adiantar. [Associated PressWiredFast Company; h/t Estadão]