Existe um produto mais deprê em nosso mundão do que a versão Blu-ray sem 3D da animação engraçadinha que envolve fantasias sexuais com dragões criada por James Cameron? Sim, existe: Avatar em DVD. 

Avatar: Edição de Colecionador com três discos

Preço: R$ 99,90

Quando: em tese, desde 16 de novembro

Na caixa: Três DVDs com toneladas de extras, cenas de bastidores e uma versão estendida do filme com mais de três horas

Você gostou de Avatar? Não, não estou falando da nova e belíssima experiência dentro dos cinemas, o primeiro filme 3D de verdade, ou qualquer outros adjetivos que o filme te lembre. Eu estou falando do filme mesmo – seu roteiro, sua estética, o diálogo. A questão aqui é simples: você viu Avatar em 2D e mesmo assim achou ele bom?

Bem, então você vai gostar muito disso! Essa versão de Avatar inclui, tipo, 75% mais de Avatar. Ainda rola a benção de ver e ouvir James Cameron contando como ele bolou e criou o filme mais importante já feito na história! Tem muita, mas muita coisa para fãs por aqui.

Esse é um dos poucos casos em que é justo julgar um filme por seus números, eu acho. Entre os mortos e feridos no processo de transferência para o DVD eu encontrei:

• Uma dimensão a menos

• 1.866.240 pixels a menos por frame (usando como base um cinema de 2k)

Isso significa que, digamos, 90% do filme se perde nesse formato. Não é justo? Eu acho que é. Esse filme é originalmente um filme, claro, mas é mais uma demonstração de tecnologia. Sem a ajuda da Panasonic e um par de óculos estranhos… bem, talvez valha a pena assisti-lo assim, apenas para entender como nós somos enganados pela tela de cinema.

Separo alguns detalhes que você talvez não tenha reparado no cinema no meio de sensacionais plantas voadoras em 3D, dragões em 3D, batalhes em 3D, e seios de Na’vi em 3D:

Esse é um filme sobre um vilão caricato matando furries de gatos azuis para ter controle sobre algo chamado “Unobtanium”

Esse é um filme sobre um cara que estuprou um dragão até ele amá-lo, e imediatamente abandonou esse dragão por um dragão melhor

Esse é um filme sobre jujubas

Esse filme é, na verdade, Pocahontas

Esse filme tem a seguinte frase: “Você é um Omaticaya agora. Você pode fazer um arco com a madeira da Árvore Mãe. E você pode escolher uma mulher. Nós temos belíssimas mulheres. Ninat é a melhor cantora.”

Esse filme tem Giovanni Ribisi

A parte estética do filme parece uma skin de Winamp

Esse filme foi todo inspirado naquele fundo de tela com um cogumelo azul

Esse filme mostra todo o orgulho de James Cameron por nunca ter ligo ou assistido qualquer obra de ficção científica, nunca mesmo

Esse é um filme sobre… Pandora!

Guarde sua grana, ajuste o balanço de cor de sua TV para AZUL MÁXIMO e assista FernGully.