Um dos melhores e mais populares smartphones já fabricado pela Samsung encontrou o seu fim: o Galaxy S8 (e a versão Galaxy S8+), não receberá mais nenhuma atualização de software daqui para frente, e isso inclui updates periódicos de segurança. No ano passado, a marca sul-coreana já havia alertado os usuários sobre o fim do suporte aos aparelhos, e agora isso se concretizou.

Não está claro quantos usuários atuais ainda utilizam o Galaxy S8, embora estatísticas recentes mostrem que as pessoas tendem a não trocar de smartphone por até três anos.

A Samsung prometeu até quatro anos de suporte de software para seus dispositivos, e foi exatamente esse o prazo cumprido pela fabricante quanto ao Galaxy S8. É verdade que a Apple ainda dá um banho na concorrência justamente por lançar updates com muito mais frequência, mas isso tem mudado. A própria Samsung, embora demore para entregar atualizações maiores, está entre as companhias que mais apoiam em updates mais consistentes no Android.

Vale lembrar que o Galaxy S8 Active ainda receberá atualizações trimestrais. O mesmo vale para o Galaxy S8 Lite que ganhará os updates em regime semestral. Ambos os modelos vão ter essa sobrevida porque foram lançados bem depois do início das vendas do S8 tradicional.

Lançados em 2017, o Galaxy S8 e S8+ chegaram ao mercado com muita expectativa e também algumas preocupações. Foi o primeiro smartphone que a Samsung apresentou após o fiasco do Galaxy Note 7 e sua bateria explosiva. Também foi um dos celulares que ditaram como deveriam ser os aparelhos Android naquela época em termos de design, ajudando a inaugurar a nova era de telefones Android sem moldura.

Assine a newsletter do Gizmodo

A linha S8 foi um sucesso de vendas, com 20 milhões de unidades do Galaxy S8 e do S8+ comercializadas apenas no primeiro ano. Agora que mais tecnologias chegaram ao consumidor, entre elas o 5G, não é uma má ideia deixar o passado para trás. Não só para ter um aparelho novo, mas também pelo fato de que, com o fim do suporte oficial da Samsung, a linha S8 fica vulnerável a possíveis ataques, uma vez que não ganhará novos updates de segurança.