Menos de seis meses depois do desastre explosivo da Samsung, a empresa está na Mobile World Congress em Barcelona. A MWC vinha sendo o local escolhido pela empresa para anunciar seus novos topo de linha da linha Galaxy, mas depois dos celulares explosivos, e com o presidente da companhia atrás das grades, a decisão nesse ano foi focar em algo menos dramático que o retorno rápido aos celulares. Então, eles decidiram anunciar um novo 2-em-1 Windows e um tablet Android.

• A Samsung finalmente divulgou a autópsia do caso Galaxy Note 7
• [Review] Samsung Galaxy A5 (2017): um compacto entre gigantes

O Galaxy Book é o novo 2-em-1 Windows da Samsung e talvez seja o melhor nome que a empresa tenha dado a um produto em algum tempo. Certamente é um avanço em relação ao nome do laptop que ele substitui: o Galaxy TabPro S do ano passado. Assim como o TabProS, o Book é um notebook Windows 10 no estilo Surface, com um teclado destacável. Esse ano, o Book foi atualizado para um processador Kaby Lake e ganhou melhorias notáveis no teclado.

Ele agora será vendido em modelos de 10 e 12 polegadas. O TabPro S tinha apenas a opção de 12 polegadas. Ainda não há informações sobre preços e disponibilidade, mas o TabProS custava a partir de US$ 900 quando foi lançado no começo do ano passado. O modelo de 10″ do Galaxy Book deve ser um pouco mais barato, mas não irá suportar playback em HDR, recurso exclusivo do modelo maior.

O Galaxy Book não será o único dispositivo móvel da Samsung a suportar HDR esse ano. A companhia também anunciou um tablet Android, o Galaxy Tab S3. É um modelo com ótimo hardware e alto-falantes da AKG para oferecer um som melhor, e acabamento frontal e traseiro feito em vidro, o que deve trazer a linha para a estética geral dos Galaxy (fique de olho nesse design porque ele provavelmente tem o mesmo aspecto do Galaxy S8 que será anunciado em breve).

O tablet também tem suporte à reprodução de conteúdo em HDR, e pelo menos da demonstração feita pela Samsung, as melhorias dessa tecnologia são imediatamente perceptíveis. O pôr do sol pareciam muito vivos no display sAMOLED e todas as coisas escondidas nas sombras se revelavam em seguida.

O tablet também tem um novo teclado que se parece bastante com o teclado do iPad Pro, mas é definitivamente mais prazeroso de se usar, e a caneta inclusa no Galaxy Book também está no tablet Tab S3.

Mas todos esses mimos não respondem a grande questão que cerca o Tab S3: quem irá comprar esse tablet? Existe um mercado definido para o Galaxy Book, mas o Tab S3 está entrando no deserto que o mercado de tablets Android se tornou. Todas as outras fabricantes pararam de fazer tablets Android porque os consumidores simplesmente não os compram.

Imagens: Alex Cranz/Gizmodo




A Samsung anunciou hoje na Mobile World Congress, em Barcelona, um novo laptop 2-em-1 no estilo Surface, o Galaxy Book, e um novo tablet Android, o Tab S3. Saiba mais aqui.