Antes mesmo de o Galaxy S20 começar a ser vendido, previ que o preço alto atrapalharia as vendas. Devido ao impacto do novo coronavírus, as coisas só pioraram. Agora, para ajudar a desencalhar o produto, a Samsung está lançando nos EUA um novo programa que dá garantia de recompra (buy-back) de 50% para todos os Galaxy S20 em até dois anos.

Isso significa que qualquer pessoa que comprar o Galaxy S20 por US$ 1.000 no site da Samsung poderá pegar US$ 500 de volta em até dois anos, caso o aparelho permaneça em “condições satisfatórias”, o que significa nenhum dano “além de desgaste normal”.

Os outros modelos do Galaxy S20 também entram na jogada, então a recompra pode chegar a até US$ 700.

Lista de recompra do Galaxy S20

Por isso, desde que a pessoa cuide bem do celular e o envie de volta no tempo certo, o programa de recompra da Samsung consegue resolver parcialmente um ponto negativo do Galaxy S20: o preço elevado.

Porém, há alguns detalhes importantes que todos os interessados devem saber. A oferta de recompra da Samsung só está disponível diretamente pelo Samsung.com. Além disso, o programa de recompra reembolsa metade do custo de um Galaxy S20 a partir de 30 dias após a compra, mas a ideia é que seja um negócio de longo prazo (então é preciso cuidar bem dele por dois anos).

Os clientes podem pagar pelo S20 à vista ou em prestações mensais de US$ 42 (para o modelo mais barato).

Quando o consumidor decidir enviar o celular de volta, a Samsung diz que a oferta de recompra aparecerá como um em qualquer método de pagamento que tenha utilizado originalmente para comprar o aparelho.

Aparentemente as pessoas poderão combinar essa oferta de recompra com outros esquemas de troca no site da Samsung, que no Brasil foi batizado de “Troca Smart Samsung” e oferece bônus a partir da troca de itens como acessórios. Por enquanto, o esquema de recompra só está disponível nos EUA.

A oferta pode ser interessante, considerando que esse desconto pode ser usado para comprar um smartphone futuramente. O negócio é colocar uma capinha e uma película na tela e tomar bastante cuidado para o aparelho não cair – assim, o consumidor pode ter 50% do valor de volta quando mandar o S20 de volta.