Enquanto seu sinal 3G vem e vai, e o 4G ainda não chega a todo o Brasil, as empresas já preparam a tecnologia 5G. E a Samsung avisa que quebrou dois recordes de velocidade em seus testes.

A coreana conseguiu transmitir dados a 7,5 Gbps, ou 940 MB por segundo, entre dois pontos fixos. Ela também chegou a uma velocidade estável de 1,2 Gbps, ou 150 MB por segundo, em um carro viajando a mais de 100 km/h.

No ano passado, a Samsung foi a primeira empresa a chegar a 1 Gbps em uma rede 5G. Mas até então, os testes do 5G estavam restritos a ambientes controlados, como laboratórios. Desta vez, a empresa levou a tecnologia para uma pista de corrida profissional:

Os testes foram realizados em uma rede de 28 GHz. A Samsung diz que as empresas normalmente evitam essa frequência muito alta por ter baixo alcance – o sinal atenua a certa distância das antenas.

No entanto, ela diz que superou esse obstáculo com a tecnologia de Matriz Adaptativa Híbrida, “que utiliza ondas de comprimento milimétrico para permitir o uso de frequências mais altas em distâncias maiores”.

Isso parece semelhante à tecnologia da Samsung que promete acelerar o Wi-Fi: ele funciona em altas frequências (60 GHz), que não costumam ser usadas por atenuarem rapidamente. No entanto, a coreana afirma que resolveu isso com um novo transmissor e um novo design para as antenas.

O 5G ainda não foi padronizado, então deve demorar algum tempo até virar realidade. O 3G e 4G, por exemplo, demoraram cerca de dez anos entre o planejamento teórico e o lançamento comercial. Ou seja, as primeiras conexões 5G devem aparecer no mundo a partir de 2020. E no Brasil? Bem… ele virá algum dia. [Samsung via SlashGear]

Imagem por Samsung