A Samsung já havia desistido do Symbian no fim do ano passado, e agora é a vez da Sony Ericsson: a empresa disse que "não tem planos por enquanto de desenvolver novos produtos" com a plataforma open-source apoiada pela Nokia. O que aconteceu? A Sony Ericsson "fez uma mudança significativa para apoiar o Android".

A empresa ainda vai continuar participando da Symbian Foundation, no entanto. Os últimos aparelhos da Sony Ericsson com Symbian foram o Satio, Vivaz e Vivaz Pro, e neles as câmeras potentes pareciam se destacar bem mais que o sistema operacional.

Depois dessa baixa, a Symbian tem que se gabar um pouco menos, não? Bem, no Brasil eles ainda podem se gabar, vai. [BusinessWeek via Engadget via Tecnoblog]