Há algumas semanas, o Spotify começou a distribuir convites para testar o serviço no Brasil. Você pode se cadastrar enviando seu e-mail aqui, ou seguindo a empresa no Twitter e Facebook. Não sabemos quando ocorrerá o lançamento geral, mas quando isso acontecer, o serviço virá de cara nova.

Hoje, o Spotify começa a implementar um novo redesign mais escuro. É a maior mudança estética que vimos desde o lançamento de seu player na web em 2012. O novo visual abandona o cinza e aposta na cor preta – que o deixa muito mais bonito e útil.

spotify black (5)

Conversei com a equipe de design do Spotify sobre o novo visual, e eles enfatizaram que o objetivo é destacar a arte dos álbuns ao máximo. (O design também faz o verde do Spotify brilhar como a gosma radioativa das Tartarugas Ninja.)

Além disso, o Spotify simplificou a tipografia, usando fontes mais finas, e introduziu uma sombra nos ícones que apontam para perfis de artistas ou pessoas. Há dois formatos básicos na interface: círculos para pessoas (seus amigos, suas bandas favoritas) e quadrados para álbuns e playlists – esse contraste deixa mais clara a distinção entre os músicos e a arte que elas criam.

spotify black (2) spotify black (3)

A interface do usuário também foi melhorada, especialmente no player da web. A seção “Navegar” agora é centrada em imagens, e os ícones dão a sensação de botões que levam a um lugar predefinido, em vez de playlists aleatórias.

O novo design na web troca a seção “Playlists” por uma chamada “Suas músicas”, reunindo as músicas que você escutou nas seções “Descobrir” e “Navegar”. Por quê? Ora, ao longo dos últimos anos, o Spotify melhorou drasticamente a capacidade de encontrar música que você pode gostar. Este ajuste na interface permite gerenciar todas essas sugestões de forma mais fácil.

spotify black (4)

Eu testei o redesign do Spotify na última semana, e acho que é uma mudança marcante, porém que não evolui muito a interface do usuário em geral. É uma evolução confortável. Há muitos retoques pequenos, mas todos são visíveis no webapp, aplicativos para Windows e Mac, e app para iOS, Android e Windows Phone.

Dito isto, alguns dos problemas na interface ainda persistem. As diferentes categorias poderiam ser mais consistentes, mais semelhantes – cada uma tem design bem distinto. Além do mais, ainda não há um player pequeno que você possa usar no desktop: o novo visual (assim como o antigo) é feito especificamente para visualização em tela cheia, longe do ideal para quem alterna entre muitos programas.

No geral, a equipe de design fez um bom trabalho em embelezar a música no Spotify. O novo design chegará aos poucos ao iPhone, desktop e web a partir de hoje; as outras plataformas serão atualizadas em breve.