O Google Stadia está finalmente recebendo uma atualização. quer dizer, mais ou menos. O serviço de jogos em nuvem do Google está chegando a uma série de telefones totalmente novos e, pela primeira vez, isso inclui aqueles não são fabricados pelo Google.

O Google Stadia teve algumas complicações. Houve muitos problemas de conectividade e de comunicação. No entanto, quando funciona, realmente parece um futuro mágico para os jogos — desde que você esteja usando os produtos do Google. Atualmente, um dos problemas mais frustrantes da plataforma é o pequeno número de dispositivos com os quais ela é compatível.

Existem os navegadores Chrome para Windows 10 ou macOS, que são reconhecidamente úteis, o Chromecast Ultra e uma pequena variedade de telefones Google Pixel. Em comparação, o GeForce Now da Nvidia funciona em praticamente qualquer dispositivo Android, e o Microsoft Project xCloud, que ainda está em beta, funciona em qualquer dispositivo Android que execute pelo menos o Android 6.0 com Bluetooth 4.0.

O Stadia, construído pela mesma empresa que mantém o Android, parece meio ruim em termos de suporte. No entanto, a partir desta semana, o Stadia estará disponível 17 novos telefones.

  • Samsung S8
  • Samsung S8 +
  • Samsung S8 Active
  • Samsung Note 8
  • Samsung S9
  • Samsung S9 +
  • Samsung Note 9
  • Samsung S10
  • Samsung S10 +
  • Samsung Note 10
  • Samsung S20
  • Samsung S20 +
  • Samsung S20 Ultra
  • Asus ROG Phone
  • Asus ROG Phone II
  • Razer Phone
  • Razer Phone II

São muitos os novos dispositivos para jogar.

São notáveis as ausências de aparelhos da Huawei e da Apple. A exclusão da Huawei faz sentido, dada a proibição americana de empresas de tecnologia que trabalham com a fabricante chinesa. A Apple faz um pouco menos de sentido. Andrey Doronichev, diretor de gerenciamento de produtos da Stadia, garantiu que o suporte ao iOS definitivamente faz parte dos planos.

“Estamos empolgados com isso”, ele me disse por bate-papo por vídeo. “Só que ainda não está pronto para falarmos sobre isso.”

O suporte ao iOS está ausente em quase todos os serviços de streaming em nuvem. Quando perguntei à Nvidia sobre o problema, seu representante recuou e sugeriu que eu perguntasse à Apple. Já o do Google repetidamente me dizia que isso iria acontecer, mas se recusava a discutir prazos. Enquanto isso, a Microsoft iniciou silenciosamente uma versão beta do Project xCloud para iOS na semana passada.