Tecnologia

Startup brasileira quer ser 1º marketplace dedicado à tatuagem

Plataforma que já aproxima artistas de clientes também terá comércio de produtos e cursos de tatuagem. O Giz Brasil bateu um papo com o empreendedor do projeto
Imagem: Unsplash/Reprodução

Em um passado não muito distante, pessoas tatuadas eram vistas pela sociedade como subversivas e até associadas à criminalidade. Há algumas décadas, ter uma tatuagem na pele era motivo de eliminação em processos seletivos para vagas de emprego em empresas mais tradicionais.

Com o passar dos anos, este cenário mudou bastante. E mesmo com os mais conservadores ainda torcendo o nariz para a modificação corporal, atualmente, as tatuagens já são encaradas como mais uma maneira de expressão pessoal.

Agora, o mercado das artes corporais movimenta cifras altíssimas todos os anos e ganha cada vez mais adeptos em várias partes do mundo. De acordo com dados levantados pelo Sebrae, apenas no primeiro trimestre de 2023, mais de 2 mil estúdios de tatuagem foram abertos no Brasil. Um número que impressiona e mostra a força do segmento no país.

Embora este seja um mercado bastante aquecido, fazer uma tatuagem não uma é tarefa que costuma ser fácil — e nem se trata da dor causada no procedimento. Encontrar profissionais qualificados e confiáveis, que seguem padrões de segurança estabelecidos por autoridades sanitárias é uma missão bastante difícil.

Agenda Tattoo: plataforma que aproxima tatuadores de clientes

Normalmente, alguns tatuadores divulgam seu trabalho em redes sociais. Mas boa parcela dos bons profissionais ainda permanecem no anonimato. Por este motivo, têm um alcance bem limitado. É diante deste cenário surge o Agenda Tattoo, um plataforma inspirada em apps como o iFood, por exemplo, para conectar tatuadores a clientes de forma fácil e segura.

No ano passado, o desenvolvedor web Alan Rafael Sauter, 29, entusiasta de tatuagens desde a adolescência, deixou o trabalho de dez anos em uma das maiores instituições bancárias do país para tirar o projeto do papel. Um site dedicado aos apaixonados pela arte corporal.

Como o projeto começou

Em conversa com o Giz Brasil, Rafa, como é conhecido, declarou que iniciou o desenvolvimento da plataforma para resolver os sucessivos problemas que tinha para encontrar estabelecimentos e profissionais confiáveis sempre que decidia fazer uma nova tatuagem.

Existem de 20 a 30 mil tatuadores oficialmente no Brasil. Mas os anônimos, pessoas que podem ter mais de um emprego e têm a tatuagem como uma segunda opção, por exemplo, não vão aparecer no Google. Não vão aparecer em lugar nenhum. Eu sempre senti falta de uma plataforma assim nesse mercado e era uma coisa que eu já via em outros segmentos”

O CEO do Agenda Tattoo se inspirou em plataformas populares, como iFood e Uber, para desenvolver o sistema web que aproxima tatuadores de potenciais clientes em um ambiente online seguro e transparente.

Tem muitas soluções tecnológicas que vieram intermediar a relação entre o cliente e o produtor, seja qual for o nicho. Durante todos esses anos eu tinha essa dificuldade. Às vezes precisava mudar de tatuador e ficava ‘pô, e agora? Qual vai ser o próximo? Eu vou confiar só no Instagram? Será que não tem um site, alguma coisa que eu consiga pesquisar? Tem algum lugar seguro para fazer o pagamento?’ Porque às vezes você chega em um local novo e não sabe quem é a pessoa. Então eu sempre senti falta disso aí na área da tatuagem

No ar desde novembro do ano passado, o Agenda Tattoo é o site no qual pessoas interessadas em fazer tatuagens podem ter acesso a profissionais de todo o país. Além de negociar de maneira segura. Assim, também é possível ver detalhes sobre a formação do tatuador e alguns de seus trabalhos  já realizados.

Semelhança com o Mercado Livre

Além disso, todo o processo de pagamento pode ser realizado através do site, que funciona de forma parecida com o Mercado Livre. Após agendar a sessão, o cliente paga o chamado “sinal”. Um adiantamento do serviço que fica retido na plataforma por até sete dias e só é repassado ao artista após a conclusão do serviço.

Em caso de problemas com o serviço prestado ou cancelamento, o consumidor ainda pode solicitar posteriormente o reembolso através da plataforma.

Outro ponto bastante interessante é que os profissionais da área podem acompanhar métricas e indicadores com potencial de  ajudá-los a gerir o próprio negócio de forma mais eficiente. Lá os parceiros encontram gráficos que comparam o desempenho mês a mês, arrecadação financeira, entre outras coisas. Segundo o CEO da startup, o objetivo é ajudar até mesmo os “pequenos” tatuadores a se profissionalizarem e terem maior sucesso em seus emepreendimentos.

Embora aproximar clientes de seus tatuadores com uma plataforma equivalente ao iFood, mas para tatuagens, já seja uma ideia bastante interessante — e que já está movimentando a comunidade –, o Agenda Tattoo irá além. Está prestes a se tornar o primeiro marketplace dedicado ao universo da tatuagem, micropigmentação e body piercing do Brasil. 

1º marketplace de produtos relacionados à tatuagem do Brasil

A partir de 8 de abril, a plataforma oferecerá uma espaço online de e-commerce. Lá será possível anunciar e comprar qualquer produto relacionado a este universo.

A ideia surgiu após Rafael ouvir anteriormente as experiências de profissionais que tentaram vender utensílios em outros marketplaces. Mas não obtinham êxito por conta do caráter generalista destes espaços.

Eu via que tinha muito tatuador no grupo que tentava vender produtos novos de tatuagem ou revender alguns usados: maca, uma máquina de tatuagem, uma câmera fotográfica, às vezes pra tirar foto dos trabalhos e tudo mais. Então o pessoal tentava anunciar no grupo de WhatsApp. Aí que eu comecei a perceber. Eu falava ‘pô, mas por que você não anuncia no Mercado Livre ou alguma coisa do tipo?E as pessoas sempre me deram respostas muito parecidas dizendo que no Mercado Livre os produtos de tatuagem concorriam com canetas, celulares… Todo tipo de produto”

Rafael também destacou a preocupação que as pessoas têm ao fazerem transações na internet. E afirmou que houve uma preocupação em garantir um sistema de pagamento que oferecesse o máximo de conforto. Ou seja, segurança para todas as partes envolvidas em um acordo de compra.

Oferecemos tudo o que um marketplace oferece: segurança, cálculo de frete automatizado e etc. A ideia é meio parecida com o que existe no Mercado Livre ou em outras plataformas. Nessa questão não mudou tanto. Claro, a gente alterou algumas coisas porque um tatuador tem algumas necessidades que outros profissionais não têm

Busca por cursos de tatuagem

A plataforma não vai parar apenas na disponibilização de um catálogo variado de produtos físicos. Dessa forma, o CEO do Agenda Tattoo também confirmou que materiais digitais, como cursos ligados ao universo de tatuagem, micropigmentação e body piercing também poderão ser adquiridos de forma simples.

Por fim, mesmo com algumas plataformas populares de e-learning no país, como Udemy, Hotmart e Kiwify, a comunidade de tatuadores relatou dificuldade com a disponibilização de cursos em plataformas. Por serem bastantes nichados, cursos de tatuagem costuma ser ofuscados por temas mais populares. E, consequentemente, não tendo muito sucesso, algo que o Agenda Tattoo promete mudar.

Vinicius Marques

Vinicius Marques

É jornalista, vive em São Paulo e escreve sobre tecnologia e games. É grande fã de cultura pop e profundamente apaixonado por cinema.

fique por dentro
das novidades giz Inscreva-se agora para receber em primeira mão todas as notícias sobre tecnologia, ciência e cultura, reviews e comparativos exclusivos de produtos, além de descontos imperdíveis em ofertas exclusivas