A TIM anunciou mudanças para o plano TIM Beta. Na verdade, a companhia voltou atrás em uma decisão que removeu o Deezer Premium gratuito, mas que agora está de volta à modalidade pré-paga da empresa. Além disso, o app de streaming de músicas ganhará uma versão mais simples de graça para clientes do TIM Pré Top.

“Quando a gente ameaçou tirar o Deezer do TIM Beta houve uma repercussão grande. Foi um feedback muito importante dos clientes que mostraram a importância do aplicativo”, contou João Stricker, head de marketing da TIM, em entrevista ao Tecnoblog. O executivo destaca a importância do retorno de satisfação dos usuários, que não ficaram felizes quando o Deezer Premium gratuito seria encerrado no TIM Beta.

Em dezembro de 2020, a TIM reformulou as condições do Beta, adicionando franquia de internet para Netflix e aplicativos de rede social, bônus da madrugada e ligações ilimitadas. O Deezer Premium continuaria incluso no pacote, mas a gratuidade para usuários antigos do plano que quisessem mudar para a nova versão seria de apenas seis meses.

Com o anúncio desta terça-feira (1°), todos os usuários inscritos no TIM Beta continuarão com acesso ao Deezer Premium sem nenhuma cobrança a mais por isso. O plano pré-pago também dá direito a 20 GB de internet por mês por R$ 60 mensais. A inscrição no Beta ainda é feita por meio de convites, que são enviados por quem já está no plano.

Assine a newsletter do Gizmodo

Deezer Go

Além da notícia de que o Deezer Premium voltará a ser gratuito para clientes do TIM Beta, a operadora anunciou o Deezer Go, que nada mais é do que uma versão gratuita da plataforma de música. Ela será exclusiva para quem adquirir o pré-pago TIM Pré Top.

Claro que, por não ser cobrado, o Deezer Go terá muitas limitações. Embora permita ouvir músicas sem propagandas entre elas, o serviço só libera pular faixas apenas seis vezes a cada hora, e desde que as músicas estejam em uma seleção de 15 listas de reprodução, que por sua vez são criadas por curadores ou algoritmos da plataforma. Álbuns e playlists também só podem ser tocados no modo aleatório, sem interferência manual do usuário.

Outra característica: o Deezer Go só pode ser aberto em um dispositivo por vez e este deve permanecer online o tempo inteiro para ouvir as músicas. Ou seja, sem modo offline aqui. Felizmente, a reprodução das faixas não consome o pacote de dados 4G do TIM Pré Top. No futuro, clientes dessa modalidade poderão migrar para o Deezer Premium pagando uma taxa mensal que ainda não foi definida.

[Tecnoblog]