A neve no Japão é comum, mas não no mês de novembro – o frio chegou 40 dias mais cedo à capital do país. Nesta quinta-feira (24) caiu a primeira nevasca registrada no mês de novembro em Tóquio em 54 anos.

• O gelo do Ártico está levando muito mais tempo para se recuperar
• Novas turbinas eólicas prometem fornecer energia ao Japão por 50 anos após um tufão

É a primeira vez que se tem registros de neve acumulada na capital japonesa neste mês, desde que os registros começaram em 1875. As temperaturas chegaram perto de 0º C em Tóquio e nas regiões vizinhas.

De acordo com a Agência Meteorológica do Japão, uma massa de ar frio de -3º C e de altitude de cerca de 1.500 metros se espalhou no local.

Clique aqui para ver as imagens em tamanho ampliado.

Apesar da beleza do fenômeno, o consumo de energia da capital japonesa chegou a alcançar 95% da capacidade de fornecimento da rede elétrica. Quem precisou usar o transporte público também teve dificuldades: linhas de trens foram suspensas ou sofreram atrasos durante a manhã.

Espera-se que a nevasca dure mais de 24 horas e que a acumulação de neve chegue a aproximadamente 2 centímetros em Tóquio e a mais de 17 centímetros nos arredores da cidade.

[Japan Times]