O sistema de avaliação de motoristas no Uber funciona relativamente bem: quem tem baixa avaliação costuma sair da plataforma ou levar um gancho. Agora, os usuários do aplicativo de transporte poderão recompensar os motoristas pelo bom atendimento de outra forma além das estrelinhas.

A partir desta segunda-feira (18), os usuários poderão oferecer gorjeta aos motoristas do Uber ou entregadores do Uber Eats por meio do app. De acordo com a companhia, a atualização começa hoje, mas chegará a motoristas e passageiros aos poucos nas próximas semanas.

Uber pré-pago pode ser uma boa para quem abusa no gasto com corridas com cartão de crédito
Os truques psicológicos do Uber para manter os motoristas a serviço de seu interesse

Na prática, no fim de cada viagem ou entrega paga por meios digitais (cartões de crédito ou créditos Uber), o usuário receberá sugestões de valores de gorjeta pelo serviço ou caso queira, dar um valor customizado ao prestador de serviço. Importante ressaltar que o pagamento não é obrigatório e a quantia é transferida por completo — diferente do valor pago das viagens, em que 25% da quantia de viagens UberX ficam com a companhia.

A opção de gorjeta começou a funcionar nos Estados Unidos em 2016 e foi expandida para outras localizações durante 2017. Diferente do Brasil, os EUA têm uma cultura de gorjeta — em boa parte dos serviços prestados, é esperado que o consumidor deixe alguma quantia para o atendente. Vai ser interessante notar se essa função vai pegar no país. De qualquer jeito, imagino, os motoristas agradecem pela possibilidade de ganhar uma grana a mais pelo bom serviço e sem ter de dividir com o Uber.

Imagem do topo: Divulgação