Essa é a Arpanet. A internet antes do Google. Antes do Flickr, antes do YouTube, antes do Chatroulette, antes do BitTorrent. Antes das fotos de sua ex no Facebook. Uma internet tão simples que foi possível desenhar um mapa dela com pouquíssimas linhas e pontos. Em 1972.

Naquela época, a internet nem se chamava internet – ainda era conhecida como ARPANET, o brinquedo fechado do Pentágono (e de algumas universidades). Como você pode ver, o alcance não era exatamente… extenso. A rede servia apenas para ligar centros de pesquisa importantes. É impressionante pensar que essa meia dúzia de cabos se transformou numa bizarra, gigantes e incrivelmente completa nebulosa de pornografia, humor, conhecimento, ódio, felicidade e vídeos de gatinhos brincando. [Life]