Apenas algumas semanas depois de chegare ao esperado valor de US$ 20 mil. a bitcoin está de volta. No último sábado (2), a criptomoeda passou de US$ 33 mil, de acordo com a CoinDesk, antes de cair ligeiramente ao longo do dia.

Os novos ganhos da bitcoin representam um novo recorde para a moeda e uma reviravolta impressionante considerando como ela estava há um ano. Em março, a bitcoin chegou a perder quase 50% de seu valor em apenas dois dias, caindo para abaixo de US$ 4 mil — um espelho da volatilidade de Wall Street durante os primeiros dias da pandemia. Apesar disso, a criptomoeda mais popular do mundo fechou o ano com um crescimento de mais de 300% de acordo com o CoinDesk. Entre os dois primeiros dias de 2021, a moeda cresceu 10,62% e chegou a um valor de mercado de US$ 605 bilhões.

No entanto, como dito antes, isso não é um incentivo para você ir e comprar bitcoin. Considerando que estamos em uma crise de saúde global, por favor não coloque todas suas economias nisso. A criptomoeda é conhecida por ser volátil e nos últimos anos trouxe tanta empolgação quanto desespero.

Vale lembrar, por exemplo, que em 2017, a última vez que a bitcoin chegou perto do valor de US$ 20 mil, ela perdeu mais de 80% do seu valor no ano seguinte.

A bitcoin inegavelmente se beneficiou do crescimento de sua visibilidade, assim como a criação da avaliação de risco da criptomoeda para bancos, pela FICO, além de outros investimentos e apoios institucionais. Em novembro, o Fundo de Macro Oportunidades Guggenheim anunciou que iria investir até 10% de seus ativos líquidos em bitcoins. O PayPal também deu OK para a bitcoin e outras moedas no último ano, quando anunciou que aceitaria criptomoedas em seus pagamentos online, além de permitir que os clientes comprassem, vendessem e guardasse criptomoedas na plataforma.

Outro players poderosos de investimentos, como Rick Rieder, diretor de investimentos de renda fixa global da BlackRock, a maior administradora de ativos do mundo, disse que a Bitcoin estaca “aqui para ficar” e que tinha potencial de substituir o ouro. Dito isso, vale lembrar que até novembro, Rieder não colocou a bitcoin em nenhum de seus portfólios de investimentos.

O novo crescimento de bitcoin causou comoção, com alguns especialistas dizendo que irá crescer ainda mais. Outros discordam e dizem que o preço está inflado em mais de 50% e que seu valor real é de aproximadamente US$ 12 mil.