Lembro muito pouco do filme original do Robocop, só de achar que ele era demais. O futuro remake de Robocop pode deixas os mais fanáticos preocupados, mas eu sempre me empolgo com filmes que misturam armas futuristas com robôs e humanos.

Este vídeo mostra algumas artes conceituais de Robocop junto ao que o diretor José Padilha (de Tropa de Elite) pensa sobre o filme. Joel Kinnaman, que fará o papel principal, também discute seu papel no remake.

No filme, o ano é 2028. Quando o policial Alex Murphy fica gravemente ferido em serviço, a multinacional OmniCorp usa seus estudos de robótica para salvar a sua vida. A partir daí, Murphy se torna o RoboCop, que, como Padilha destaca, não é um cara que criou uma armadura para se tornar invencível – e sim um cara que se tornou um robô contra a própria vontade. Os produtores citam a influência de Call of Duty no filme, ou seja: podemos esperar muita ação e muito tiroteio.

Além de Kinnaman, o filme também terá participação de nomes como Samuel L. Jackson, Michael Keaton e Gary Oldman. O filme tem previsão de lançamento para o dia 7 de fevereiro de 2014.

Você está empolgado com o filme, ou prefere ficar só com o original? [DailyMotion via Geek Tyrant]