Em um futuro não muito distante, o mundo estará repleto de pequenos robôs voadores flutuando por aí fazendo entregas, monitorando o tráfego e, claro, espionando todo mundo – uma tarefa que este quadrotor grudento faria com primor.

Graças a um adesivo seco especial que é capaz de colar em superfícies e descolar delas, o quadrotor pode pousar em quase qualquer lugar – inclusive no teto.

O quadrotor é um exemplo impressionante de biomimetismo, onde os cientistas tentam recriar as características e habilidades dos seres vivos. Ele foi desenvolvido como um projeto de pesquisa conjunto entre as Universidades de Maryland e Stanford.

O vídeo mostra a pequena criatura se prendendo a superfícies, e não se descolando delas. Mas Andrew Kehlenbeck, assistente de pesquisa no projeto, garante que o adesivo usado “pode se soltar instantaneamente através de um comando e, no futuro, permitirá que veículos pousem e decolem à vontade em uma grande variedade de superfícies”.

Por enquanto, o quadrotor adere melhor em superfícies lisas de acrílico, mas ele será capaz de se agarrar em qualquer lugar, para espionar você à vontade. [YouTube via Popular Science]