A sua conta do WhatsApp está ligada ao seu número de telefone e só pode ser acessada em um aparelho por vez. A limitação tem a ver com a criptografia de ponta a ponta das mensagens trocadas no app, mas parece que os desenvolvedores encontraram uma nova maneira para lidar com as chaves de criptografia e permitir que a mesma conta seja usada em mais de um dispositivo.

A novidade está escondida nas versões beta do WhatsApp e foi descoberta pelo site WABetaInfo, que tem ótimo histórico na antecipação das funcionalidades do aplicativo.

De acordo com o site, há uma opção chamada “Notificação de Registros”. Aparentemente, esse será um menu que aparecerá no celular já registrado, com um código de autenticação para o login no segundo dispositivo. É o mesmo mecanismo da autenticação de dispositivos da Apple.

O primeiro dispositivo recebe uma notificação ao fazer um novo login: “um código de registro do WhatsApp foi solicitado para seu número de celular; se você não fez isso, não compartilhe esse código com ninguém”.

O novo método de criptografia usará a mesma chave privada em mais de um dispositivo. No modelo atual, as chaves privadas são armazenadas localmente e é preciso ter um intercâmbio entre as chaves pública e privada de cada usuário revelar o conteúdo.

Ainda não há detalhes sobre os desafios técnicos dessa solução e nem a previsão de lançamento. Mas é provável que em algum momento do futuro possamos acessar o mesmo WhatsApp de um smartphone Android, de um iPhone ou até do iPad.