O delator da NSA, Edward Snowden, ajudou criar uma nova maneira de se proteger de potenciais bisbilhoteiros. Ele se juntou com o pessoal da Freedom of the Press Foundation para criar um app open-source para Android chamado Haven, que transforma seu celular em um sistema de segurança de bolso. Tudo que você precisa é um telefone extra e uma dose saudável de paranoia.

O aplicativo funciona assim: instale o Haven em um smartphone e deixe-o em qualquer lugar que você deseja manter seguro ou vigiar – seu quarto, em seu escritório, ao lado de um laptop que armazena um monte de segredos do governo, qualquer lugar que seja. O aplicativo, então, utilizará o microfone do telefone para ouvir os intrusos, a câmera para registrar um malfeitor em vídeo e o acelerômetro para registrar qualquer movimento do próprio dispositivo. Ele também usa o sensor de luz ambiente para perceber mudanças na luz e o monitor de energia para detectar se ele foi conectado ou desconectado em algum outro aparelho. O aplicativo envia automaticamente atualizações, incluindo áudio e vídeo, para o seu telefone principal, a qualquer hora que algo acontecer.

Para ser mais seguro ainda, os alertas são enviados por meio do Signal, o popular aplicativo de mensagens criptografadas apoiado por Snowden. Se você não quiser atualizações em tempo real, é possível verificar o log do telefone a partir do Haven, ou remotamente, utilizando o navegador Tor ou no próprio dispositivo. A versão beta do Haven já está disponível na Play Store e na F-Droid e é gratuito.

“Imagine se você tivesse um cão de guarda e que pudesse levar para qualquer quarto de hotel e deixá-lo lá enquanto estiver fora”, disse Snowden à Wired. “A ideia real é estabelecer que os espaços físicos ao seu redor possam ser confiáveis”.

Basicamente, muitas das precauções que você pode tomar ao proteger sua cibersegurança pode simplesmente voar pelo espaço se alguém obter acesso físico ao seu dispositivo. Se isso acontece sem o seu conhecimento, um ator malicioso poderia visualizar todos os seus arquivos privados e você fica na mão dele.

O propósito primordial do Haven é proteger seu laptop ou outros dispositivos contra alguém que poderiam tentar mexer neles. Mas o aplicativo pode ser útil em outros cenários também. É uma alternativa muito mais barata para câmeras de segurança, e a versatilidade de um dispositivo móvel como um sistema de segurança em miniatura faz do app uma boa opção para situações mais sensíveis. Eva Galperin, diretora de cibersegurança da Electronic Frontier Foundation, disse para o Intercept que o aplicativo poderia ser uma boa maneira de ajudar adolescentes desconfiados de seus pais e adultos desconfiados de seus parceiros abusivos, por exemplo.

O sistema não é infalível, no entanto. Um ataque bem feito poderia bloquear o sinal de Wi-Fi, SMS e dados móveis – ou, se souberem o código de acesso, poderiam fazer login no telefone e limpar o histórico. Ainda assim, é uma solução gratuita e relativamente fácil que pode ser configurada para se proteger contra ataques sofisticados ou, para a maioria de nós, simplesmente checar se nossos pais ou colegas de quarto estão bisbilhotando nossas coisas.

[The Intercept]

Imagem do topo: AP