Eu sei que hoje já é dia 6 de janeiro mas… feliz ano novo, pessoal! Espero que todos tenham se divertido, pensado bem no futuro, mas maneirado nas promessas – é um saco quando elas não se realizam, não é mesmo? Aqui no Giz não faremos promessas, mas estamos de olho no futuro, como sempre, e temos algumas novidades importantes para anunciar.

A primeira de todas é que o Giz segue firme e forte em 2014 e muito bem de saúde (o Felipe manda um abraço direto de Las Vegas, onde mais uma vez cobriremos a CES de forma independente). Digo isso porque tivemos nos últimos meses uma série de questões dentro da F451, a empresa que publica o Gizmodo no Brasil, e vimos com o olhar marejado o fim de dois sites que gostávamos muito: o Jalopnik e o Tazio. O Jalop foi por muito tempo o irmão velocista do Gizmodo, o primeiro site da Gawker a vir para o Brasil depois de nossa chegada, e foi um tanto doloroso ver o fim de algo tão bem feito, tão bem construído e bem cuidado. (Felizmente você pode continuar acompanhando o trabalho do Barata e seus comparsas no FlatOut.)

Claro que os motivos para os fins desses sites não têm nada a ver com a qualidade do conteúdo: estamos falando aqui de uma crise no mundo do jornalismo, que ainda sofre para se adaptar ao mercado publicitário na internet. Para enfrentarmos essa situação, a principal resolução de 2014 na F451 é: foco. Foco no que sabemos fazer de melhor, que é conteúdo. Sabemos produzir matérias e histórias que fazem vocês mais felizes e inteligentes, e construímos nossos nomes pelo bom conteúdo. É com essa missão em mente que começamos 2014.

Falando mais especificamente do Gizmodo, há algumas notícias importantes para informar: em primeiro lugar, temos uma nova editora. A Nadiajda Ferreira, que está conosco faz alguns meses, assume o controle do Giz, e eu não poderia ficar mais feliz em passar o bastão para alguém tão empolgada quanto ela. A Nadiajda (que no primeiro dia de trabalho já deixou bem claro que todos podem chamá-la de Nádia) é uma das pessoas mais detalhistas, críticas e dispostas que eu conheci nesse mundo, e será muito bom ter alguém assim disposta a cuidar e aumentar o escopo do Gizmodo nesse próximo ano. Uma pessoa que dá dicas de Kindle, fala com propriedade sobre app Lulu e ainda faz esta ótima entrevista é uma pessoa que merece nossa confiança.

Eu já falei em outras ocasiões sobre isso, mas agora é para valer: o Giz em 2014 cobrirá mais assuntos, conversará com outros universos e trará mais pedaços do futuro para você. Iremos mergulhar mais no mundo da cultura pop, música, arquitetura, design e outros caminhos que o Giz americano já anda visitando, mas que queremos trazer conteúdo nacional e de relevância para todos vocês. Nós já fizemos um bocado disso no ano passado (pense na incrível série sobre os rios de São Paulo que o Giovanni fez), mas queremos aumentar isso ainda mais. E sei que, sob o comando da Nadiajda, esse novo caminho será extremamente empolgante.

E eu? Bom, eu vou voltar a fazer o que eu mais gosto de fazer: escrever. Continuo na F451 como repórter especial, escrevendo não só para o Giz, mas para o Kotaku Brasil e para a Trivela, sempre em busca de histórias diferentes e interessantes (e se você tiver uma boa sugestão, mande-me um email!), além de tocar um ou outro projeto maluco que estamos preparando para este ano (prepare-se!). Em breve completarei 4 anos escrevendo para o Gizmodo, e foi um enorme prazer cuidar da casa nos últimos anos, mas acredito que posso oferecer mais a todos indo atrás das histórias mais malucas possíveis. Obrigado a todos que nos acompanham a tanto tempo e aos que chegaram no último ano (já que, em termos de audiência, crescemos mais de 50% em 2013) e nos vemos nestas páginas em 2014. E que comece a CES!