A XP Investimentos, maior corretora independente do país, revelou que está investigando junto com a Polícia Federal e o Ministério Público, o vazamento de dados de cadastro de 29 mil clientes. Rumores sobre uma invasão no sistema da empresa circulavam há algum tempo e foram confirmados neste semana pelo Valor Econômico.

A própria corretora enviou um email para todos sua base de clientes – são cerca de 200 mil pessoas – dizendo que criminosos tiveram acesso a alguns dados de uma parcela deles. Informações como nome, CPF, telefone e número de conta estão sob a posse dos invasores.

A partir dessa invasão, os criminosos conseguiram desviar R$ 500 mil de três clientes, abrindo contas falsas em nome dessas pessoas em bancos – as transferências de valores de corretoras só podem ser feitas para contas bancárias da mesma titularidade. A XP informou que esses foram “casos isolados”, ressarciu os três clientes e as autoridades foram alertadas.

O curioso é tudo isso aconteceu entre 2013 e 2014 e a corretora vinha tentando manter o caso sob sigilo. Na tentativa de aumentar a pressão sobre a empresa, os criminosos começaram a enviar emails para alguns dos 29 mil clientes cujas informações foram roubadas.

Em um relato, um cliente diz ter recebido ameaças de que seus dados teriam sido usados para criar uma conta fria na Caixa Econômica Federal e assim transferir o dinheiro da corretora.

O objetivo dessas ameaças é atingir o fundador e principal acionista da corretora, Guilherme Benchimol. Os invasores pedem R$ 22,5 milhões convertidos em bitcoins para a XP Investimentos.

Nas redes sociais e no email enviado aos clientes, a corretora ressalta que os investimentos estão seguros e que não é preciso trocar a senha ou tomar outras medidas. Este foi o email enviado pela XP:

A XP Investimentos comunica que investiga, em colaboração com a Polícia Federal e o Ministério Público, possível vazamento de dados cadastrais. Conforme os fatos apurados até o momento, criminosos obtiveram informações básicas de determinados clientes entre 2013 e 2014. Importante esclarecer que, muito embora o ocorrido, os investimentos de todos os clientes estão seguros.

No mesmo período, foi identificada fraude isolada com três clientes, que, à época, foi devidamente reportada às autoridades competentes e sanada, sem qualquer prejuízo financeiro aos envolvidos. Recentemente, os mesmos infratores divulgaram na internet o vazamento destes registros, em uma tentativa de extorsão. O vazamento das informações é uma ação criminosa e a empresa está tomando todas as medidas legais cabíveis.

A companhia trabalha constantemente para aprimorar a segurança dos seus clientes. Entre as medidas adotadas nos últimos anos, estão o reforço da estrutura de segurança da informação, além de investimentos em infraestrutura, processos e softwares de Tecnologia da Informação.

A XP Investimentos lamenta o ocorrido e orienta que os clientes tirem dúvidas com seus assessores de investimento ou liguem para 4003-3710 (capitais e regiões metropolitanas) / 0800 880 3710 (demais regiões). O compromisso da empresa com clientes e a transparência é completo e irrestrito.

[Valor Econômico]

Imagem: Pexels/Pixabay.