por Daniel Junqueira

O grupo chinês Tencent chegou a um acordo para adquirir a desenvolvedora de jogos mobile Supercell, que pertencia à gigante japonesa de telecomunicações SoftBank, por US$ 8,57 bilhões.

A Supercell não é uma desenvolvedora qualquer: eles são os responsáveis pelos extremamente bem-sucedidos (e viciantes) Clash of Clans e Clash Royale, dois jogos free-to-play que frequentemente figuram nas listas dos mais baixados tanto na App Store da Apple quanto na Google Play Store.

Para ter uma ideia do quão grande é Clash of Clans, no ano passado a receita diária do jogo era de US$ 1,5 milhão. É muita grana!

Fundada na Finlândia, a Supercell parece conhecer muito bem o caminho do sucesso nos jogos para smartphones, já que o recente Clash Royale é o quarto título de sucesso deles – além de Clash of Clans, eles também desenvolveram Boom Beach e Hay Day. Mais de 100 milhões de pessoas jogam esses jogos todos os dias.

A Tencent é a empresa por trás do portal QQ e do app de mensagens WeChat, e no fim do ano passado fez outra grande aquisição no mundo dos games: ela comprou totalmente a Riot Games, desenvolvedora de League of Legends, sendo que já era acionista majoritária da empresa antes disso. E o grupo chinês também tem participação na Activision Blizzard de na Epic Games.

[WSJ, The Verge]